Célia apanha encontro de Madalena e Raul

15 fev 2021 00:00

Filomena (Sofia Nicholson) pede ajuda a Rita (Beatriz Barosa) e a Salomé (Madalena Brandão) para descobrir nomes de mulheres que Raul tenha assediado, porque conhece alguém que quer fazê-lo pagar por isso na justiça.

Vanda (Fernanda Serrano) diz a Evelina (Susana Araais) que tem informações novas sobre Raul e que conta com ela para explorar essas informações e desenvolvê-las.

Luís (Diogo Branco) e Joana (Catarina Rebelo) acompanham Estela (Isabel Figueira) a casa de Zeca e agradecem a ajuda de Ema.

Evelina fica espantada quando Vanda lhe conta que Raul assediou algumas mulheres e que vai descobrir o nome delas.

Madalena (Sofia Ribeiro) pede à rececionista para falar com Raul, que a olha espantada. Célia (Sofia Ribeiro) entra, em passo apressado, e fica atónita quando vê Madalena. Célia fica transtornada por ver uma mulher igual a ela e entrar na sala de Raul.

Madalena avisa Raul de que já não é a mesma miúda indefesa e que se ele a voltar a chatear, põe os advogados a tratar do caso, até ele ficar depenado. Raul não acredita que lhe seja indiferente, pois Madalena ainda mexe muito com ele.

Evelina sugere ser ela o isco e pôr-se a jeito para que Raul a assedie. Vanda não sabe se gosta muito daquela ideia, mas acaba por concordar. Arnaldo (João Lagarto) entra no escritório de Vanda e fala com ela denotando alguma cumplicidade. Evelina fica indignada.

Eça (Nuno Pardal) conta o que está a acontecer no bairro e pede ao pai e a Zeca para irem ter com ele.

Raul agarra Madalena e diz-lhe que saber que Rita é sua filha foi a melhor notícia dos últimos anos, mas garante não a perdoa por a ter envenenado contra ele.

Arnaldo fica surpreendido por Vanda e Evelina serem amigas, mas Vanda disfarça e cumprimenta Arnaldo de uma forma formal.

Madalena reconhece que não tinha o direito de esconder a Raul que tinha tido uma filha, mas depois do trabalho que teve para fugir dele, não podia deitar tudo a perder. Raul quer convencer Madalena de que se tornou uma pessoa melhor, mas ela sabe que não e avisa-o para se manter longe dela.

Célia bebe mais uma aguardente. Rita decide intervir, conta-lhe que é filha de Raul e que, por isso, se quiser desabafar sobre ele está à vontade. Célia diz que a vida dela é uma confusão e já não sabe no que acreditar. Desesperada, Célia abraça-se a Rita e chora.

Vanda diz que Evelina já estava de saída e ela avisa que vai avançar com o plano que combinaram. Vanda pede desculpa a Arnaldo por aquele encontro inesperado, mas foca-se no assunto que o trouxe ali: financiar o instituto.

Zeca está indignado por Arnaldo ter colocado um cartaz do empreendimento que quer fazer no bairro e pede a Hélder para obter, rapidamente, algum podre do tio para conseguirem pará-lo.

Rita pergunta se Célia está assim por ter visto o vídeo da confissão de Raul. Ela revela que está transtornada após ter tido uma visão de si própria e Rita percebe que está a referir-se a Madalena.