Célia faz tudo para ficar com Raul

12 mar 2021 00:00

Gisela (Carla Vasconcelos) está consternada com a possibilidade de Santos Costa (Ricardo Castro) só estar com ela para ter informações sobre Zeca (Graciano Dias). Hélder confirma que Zeca não quer ser libertado, por estar em segurança.

Santos Costa está caído no chão, desperta, entra no carro e arranca.

Vanda (Fernanda Serrano) explica a Carolina (Joana Manuel) que deve fingir uma noite de sexo, de forma a que Zeca não se lembre se realmente aconteceu alguma coisa ou não e fazer com que Ema os apanhe juntos no quarto. Carolina não percebe o interesse de Vanda em prejudicar Ema, mas ela indica que não a perdoa por ela saber que Raul (Sérgio Praia) matou o seu marido e que nunca lhe tenha dito.

Fred (Filipe Matos) repreende Diana (Matilde Reymão) por ter voltado à roulotte sozinha e revela que esteve com Peter (Joaquim Nicolau) e lhe contou tudo.

Raul não gosta que Célia (Sofia Ribeiro) lhe pergunte onde esteve e acusa-a de estar paranoica. Célia liga a Estela (Isabel Figueira) e diz-lhe que precisa dela.

Emília (Dina Félix da Costa) diz que tem andado indisposta, mas que acha curioso que Rui (Rodrigo Soares) tenha o mesmo apelido da editora que o irmão comprou e pergunta se não serão família. Rui acha pouco provável e decidem ir comprar roupas e arranjar-lhe um trabalho.

Diana fica furiosa por Fred ter contado tudo ao seu avô e manda Fred embora.

Óscar conta a Arnaldo (João Lagarto) que Zeca foi preso por causa da história dos diamantes, pois apareceu um retrato robot dele e os joalheiros identificaram-no. Óscar revela que o estranho é que Zeca dispensou o advogado, como se quisesse continuar preso, deixando Arnaldo sem dúvidas de que ele está a tramar alguma.

Gisela está passada com o que descobriu e mostra-se determinada a conversar com Santos Costa para tirar aquela história a limpo.

Zeca está deitado na sua cela e pensa numa conversa que teve com Santos Costa e fica irritado por não ter percebido que estava tudo relacionado e que devia ter dito que não a Preto (Vítor Norte).

Ema recebe uma mensagem de David (Jorge Albuquerque), que lhe diz que Zeca dispensou os seus serviços e decide ligar-lhe. David está sentado com o corpo meio caído e não reage ao toque do telemóvel.

Preto está furioso por Peter se ter metido com o filho dele e Peter explica que foi para ele perceber a dor que lhe causou ao matar a sua família. Preto atira-se a Peter e um dos seus homens abate-o, com um tiro na cabeça, e Peter dá indicações sobre como deixar o corpo.

Ema estranha que David não atenda e decide ir falar com Eça (Nuno Pardal) e Ulisses (Nuno Homem de Sá) para saber notícias de Zeca.

Hélder informa Vanda que esteve com Zeca, mas ele prefere continuar preso, até alguns assuntos se resolverem. Vanda não compreende aquela atitude e pede a Hélder para lhe explicar melhor aquela história.

Santos Costa avança pela floresta, ensanguentado, e chama pelo pai. Não obtém resposta e continua em direção à roulotte. Midas (João Manuel Vieira) chega ao local onde estava o carro de Santos Costa, decide ligar-lhe, mas tem o telefone desligado.

Célia conta a Estela que Raul a anda a trair consigo própria, por achar que ela é Madalena (Sofia Ribeiro).

Joana (Catarina Rebelo) está chocada com o que Fred lhe contou e acha que ele é tão culpado como Diana e que ambos são tão assassinos como Preto.

Santos Costa aproxima-se da roulotte e fica em choque ao perceber que o pai foi morto com uma bala na cabeça.

Estela está em choque com o que Célia fez e acha que Raul vai acabar por descobrir. Estela aconselha Célia a deixar Raul, mas ela está determinada em ficar com ele e disposta a transformar-se em Madalena.

Peter repreende Diana por ter feito o que fez, mas diz que Preto já não os chateia mais, pois fez o que devia já ter feito há muito tempo.