Filomena «vende-se» a Arnaldo

30 nov 2020 00:00

Estela (Isabel Figueira) recebe uma chamada de Célia (Sofia Ribeiro), que lhe confirma que Ema (Ana Varela) está desconfiada que de que Joana (Catarina Rebelo) seja filha dela. Estela acha melhor Célia sair lá de casa e voltarem para o Faial, mas Célia está cada vez mais convencida de que está no sítio certo.

Arnaldo (João Lagarto) fica surpreendido com a proposta de Filomena (Sofia Nicholson): ela ajuda-o a expulsar os moradores do bairro e, em troca, exige um apartamento. O tio de Zeca tenta negociar, mas Filomena mostra-se irredutível.

Vanda (Fernanda Serrano) acha que Ema está a menosprezar o que uma mãe é capaz de fazer por uma filha e pede-lhe para ter cuidado.

Antonieta (Lia Gama) acha que Carolina (Joana Manuel) deve informar Zeca (Graciano Dias) das intrigas de Gabriel (Ricardo Carriço), mas Carolina nega, pois não quer passar por intrometida.

Arnaldo afirma que tem todo o interesse em ter alguém infiltrado no bairro e dá dinheiro a Filomena para o ir mantendo informado.

Peter (Joaquim Nicolau) está incrédulo por Rute (Ana Guiomar) querer jogar Monopólio, para testar as suas capacidades para o negócio e diz que nasceu para ser rica. Peter começa a ficar picado, pois é muito competitivo.

Gisela (Carla Vasconcelos) acha que se Emília (Dina Félix da Costa) quisesse contar a verdade a David (Jorge Albuquerque) já o tinha feito. Ela confessa que tem medo de o perder, porque gosta mesmo dele.

Fanã (Salvador Nery) pergunta se sabem que emprego misterioso é que Rute arranjou. Constança (Filipa Pinto) diz-lhe que ele não tem nada a ver com isso, pois já não namoram.

David põe Maria Helena (Maria Emília Correia) a par das novidades sobre a mudança de ideias de Raul (Sérgio Praia), em relação à editora. Maria Helena sugere que ele e Carolina (Joana Manuel) se aliem para ficarem com mais poder do que Raul.

Célia lembra Joana de que não é nenhuma dondoca e coloca-a a trabalhar. Joana conta o que se passou com Vanda (Fernanda Serrano) e Célia não gosta.

Fanã conta a Sandro (Miguel Bogalho) que desconfia de que Rute lhe está a mentir, porque contou que ia trabalhar para uma casa de férias, mas seguiu-a e ela está num prédio em Lisboa. Fanã quer lá voltar e decide levar um drone.

Raul percebe que Ema está incomodada por ter falado de Zeca, e tenta saber mais sobre a relação deles. Ema não quer falar do passado. Raul diz-lhe que quer ajudá-la a lidar com aquela dor. Raul pergunta a Ema porque escolheu o nome José Carlos para o filho e ela diz que tinha um tio com esse nome e ele fica a remoer naquilo.

Gabriel (Ricardo Carriço) pede para descobrir de onde surgiu o dinheiro de Zeca. Hélder conta-lhe que Zeca esteve preso e o ministro pede-lhe para arranjar um documento que comprove isso.

Peter compra um terreno no Monopólio, festeja como se fosse uma criança e admite que se está a divertir muito.

Raul liga a Peter e conta-lhe as suas suspeitas sobre Zeca e Ema terem tido uma relação no passado.

Santos Costa (Ricardo Castro) fica surpreendido por Raul ter mudado de ideias e lembra-se de que aquilo pode ter a ver com o facto de Raul ter descoberto que Rita (Beatriz Barosa) é sua filha e prepara-se para explicar isso a David e a Maria Helena.

Gabriel chega para falar com Emília, mas Zeca diz que, na verdade, é ele quem quer falar com Gabriel. Este fica surpreendido por ver Zeca e aproveita para o confrontar com o facto de estar prestes a casar com Carolina, e de ela achar que ele é multimilionário.