Madalena faz sexo com desconhecido

04 fev 2021 00:00

Carolina termina o beijo com Ulisses e diz que não podem fazer aquilo, pois alguém pode chegar. Depois, falam de posições na cama e Carolina diz que nunca explorou muito essa parte, mas que está disposta a experimentar.

Madalena (Sofia Aparício) não explica porque é que se afastou da sua própria mãe, corta a conversa e diz a Rita (Beatriz Barosa) que teve sorte por Eça (Nuno Pardal) parecer ser um homem interessante.

Madalena vai para acender um cigarro, e Gabriel (Ricardo Carriço) dá-lhe lume e os dois conversam de forma sedutora.

Maria Helena (Maria Emília Correia) fica à espera de que Peter chegue e diz a Diana (Matilde Reymão) para a deixar sozinha.

Luís bebe shots de vodka, percebe que Joana (Catarina Rebelo) também não está bem e brindam às aparências.

Zeca (Graciano Dias) chega a casa com as irmãs e Emília (Dina Félix da Costa) ainda está a processar as revelações da noite.

Zeca e Ema (Ana Varela) entram no quarto, começam a beijar-se e fazem amor.

Vanda revê as notícias sobre o julgamento da morte de Leandro e chora, agarrada a uma foto do marido.

Joana e Luís já beberam a garrafa de vodka, olham um para o outro e envolvem-se.

Peter chega a casa, encontra Maria Helena a dormir no sofá e faz-lhe um carinho.

Célia (Sofia Ribeiro), em lingerie, tenta abraçar Raul, mas ele afasta-a.

Gabriel e Madalena estão agarrados, beijam-se descontroladamente e fazem amor onde estão.

No dia seguinte, Zeca acorda e tem Vanda em sua casa que lhe diz que precisam de ter uma conversa muito importante.

Raul dorme e sonha com o acidente. Raul grita e Célia diz-lhe que foi só um pesadelo.

Ema (Ana Varela) acorda e fica admirada ao perceber que Zeca (Graciano Dias) não está ao seu lado.

Vanda (Fernanda Serrano) pede desculpa por não ter acreditado em Zeca (Graciano Dias), mas ele também reconhece que teve alguma culpa.

Vanda indica que o único culpado daquela história é Raul (Sérgio Praia) e Zeca é tão vítima quanto Leandro.

Raul dá voltas pelo quarto. Célia (Sofia Ribeiro) pergunta-lhe o que se passa e ele mente. Célia aconchega-o junto ao peito e promete tomar conta dele.

Peter (Joaquim Nicolau) fica surpreendido por ver que a mãe dormiu no sofá. Maria Helena (Maria Emília Correia) pergunta-lhe se acordou com peso na consciência.

Zeca não esperava um pedido de desculpas de Vanda e assume que, no fundo, sempre a compreendeu, apesar de ter achado que nalguns casos ela se excedeu.

Célia dá um copo de água com açúcar a Raul e pergunta-lhe o que se passou para estar naquele estado. Ele indica que não foi nada.

Maria Helena acusa Peter de saber da verdade sobre a morte do polícia e de nunca ter feito nada.

Vanda não acredita em justiça divina e incentiva Zeca a fazer Raul pagar pelo que fez, mas ele indica que só quer viver a vida dele descansado.

Maria Helena diz que já sabe que foi Raul quem matou o polícia e Peter finge-se surpreendido.

Zeca mostra-se surpreendido com a reação de Vanda e Ema diz-lhe ser normal, pois percebeu que gastou toda a sua energia no alvo errado.

Peter mente, dizendo que soube daquela história há pouco tempo. Maria Helena lembra-o dos esquemas que fez no passado e de como isso levou à morte da sua mulher e da própria filha. Diana (Matilde Reymão) ouve e fica siderada.