Raul e Zeca lutam por Ema

11 jan 2021 00:00

Raul (Sérgio Praia) tenta arrastar Ema (Ana Varela) com ele, mas Zeca (Graciano Dias) encosta-o à parede e impede-o. Raul dá um murro na cara de Zeca e envolvem-se numa luta violenta. Ema tenta separá-los, mas sem sucesso.

Vanda (Fernanda Serrano) é surpreendida por Midas e acusa-o de falta de educação por ter aparecido sem avisar, mas muda de atitude quando ele afirma que ficou impressionado com o trabalho da instituição e que pretendia ajudá-la.

David (Jorge Albuquerque) está com Peter (Joaquim Nicolau) e fica convencido de que ele está doente.

Estela (Isabel Figueira) disfarça a atrapalhação e sugere falar com a sobrinha no bar. Célia (Sofia Ribeiro) cruza a entrada, mas não repara na presença de Joana (Catarina Rebelo), de Fred (Filipe Matos) e de Estela.

Raul e Zeca continuam a lutar e Ema sai para pedir ajuda. Gisela (Carla Vasconcelos) conta que Emília (Dina Félix da Costa) viu Vanda no bairro na noite anterior, quando chega Ema a pedir ajuda.

Ema, seguida por Eça (Nuno Pardal), de Ulisses (Nuno Homem de Sá), de Gisela e de um polícia, avançam em direção à casa de Conceição (Estrela Novais) para impedir a luta de Zeca e de Raul, atraindo a atenção de todos os presentes. Todos tentam acabar com a luta entre Zeca e de Raul.

Ema diz ao polícia que foi Raul que começou as agressões, Raul defende-se e acusa Ema de estar aos beijos com Zeca.

Peter não assume que está doente, mas continua a fazer-se de vítima para que David (Jorge Albuquerque) acredite nisso. Rute (Ana Guiomar) chega e David questiona-a sobre a razão da sua presença em casa de Peter.

Peter mente ao sobrinho, dizendo que Rute veio entregar-lhe um gato que ele adotou e Rute alinha na mentira.

Vanda pede desculpa a Midas pela receção desastrosa e começa a vitimizar-se, falando sobre a morte do seu filho que serviu de inspiração para criar o instituto. Midas afirma que pretende apoiar o instituto como forma de retribuir ao mundo um pouco do que a vida lhe deu.