NESTE EPISÓDIO...

No passado...

Marina (Dina Félix da Costa) sai de casa e fica surpreendida por encontrar Gonçalo (Pedro Lima) encostado ao seu carro. O empresário estende-lhe um estojo de veludo e, quando Marina o abre, vê um anel de ouro branco e brilhantes, mas recusa o presente.

Com ciúmes, Gonçalo manda o estojo com a aliança para o chão e arranca com o carro.

Regresso ao presente...

Raquel (Maria João Pinho) está sentada junto a Gonçalo e diz-lhe que ele vai ficar em prisão domiciliária pela morte da amante. Descontrolado psicologicamente, Gonçalo imagina que é Marina que está a falar com ele.

Miguel (Pedro Teixeira) apresenta-se como Lucas a Maria das Dores e faz conversa de circunstância, ficando a observá-la discretamente. Maria das Dores entra no estábulo e tira uma sanduíche e uma garrafa de água para Sebastião (Rodrigo Trindade).

Regresso ao passado...

Nicolau (Bernardo Lobo Faria) ouve, em choque, Marina a fazer sexo com alguém, tendo-lhe ligado sem querer. Xavier observa-o e percebe que alguma coisa grave se passou. O filho dos Oliveira conta-lhe que era a mãe e Xavier percebe, de imediato, afirmando que não vai deixar que lhe estraguem a família e que está disposto a matar o amante, se for necessário.

Regresso ao presente...

Raquel mostra uma foto de Marina com 15 anos acompanhada de Vicente (Dinarte Branco) ao seu lado e Gonçalo fica tenso e perturbado quando ela fala de Sebastião, empurrando-a para fora do quarto.

António (Luís Esparteiro) entra na capela à procura de Miguel e Sara (Ana Varela) chora, aliviada por ver ajuda, e diz que Miguel a abandonou e lhe levou o carro.

Augusto (Filipe Vargas) vasculha o carro de Gonçalo quando alguém se aproxima com uma caçadeira. Augusto e Laura (Fernanda Serrano) saem de dentro do carro com as mãos erguidas e Maria das Dores aponta a caçadeira à cabeça da escritora.

Miguel surge e Maria das Dores ameaça matar todos. Augusto pede-lhe para ter calma, afirmando que só quer falar com Sebastião.

Escondido atrás da casa, Sebastião começa a correr e Augusto vai atrás dele. Maria das Dores não pensa duas vezes e aponta a caçadeira ao empreiteiro, não hesitando em disparar. Augusto fica estendido no chão, como se estivesse morto.

No presente...

Eduarda apresenta a sua demissão, deixando Matilde (Helena Isabel) e Raquel (Maria João Pinho) surpreendidas. A enfermeira refere que Gonçalo (Pedro Lima) poderá sofrer uma trombose e vai-se embora.

António (Luís Esparteiro) prende Miguel (Pedro Teixeira) e informa que Sebastião (Rodrigo Trindade) escapou.

Augusto (Filipe Vargas) afirma que vão estar presentes na confissão que Gonçalo quer fazer, mas antes revela que Sebastião Gaio é filho de Marina (Dina Félix da Costa).

André (Nuno Pardal) sonha que mata Augusto e percebe-se, pela sua expressão vingativa e louca, que está prestes a perder o autocontrole.

Passagem para o passado...

Vemos um carro na autoestrada e Marina conta a Gonçalo que tem a certeza que Nicolau (Bernardo Lobo Faria) descobriu que eles estão juntos. O empresário refere que Alice (Catarina Rebelo) também já sabe de tudo, mas pede-lhe para esqueceram os problemas durante aqueles dois dias que vão estar juntos.

Regresso ao presente...

Gonçalo continua a contar o que se passou perante o olhar atento de todos. 

Regresso ao passado...

Uma mota com dois homens passa a portagem pouco tempo depois de Gonçalo e Marina. Sebastião e Joaquim (João Lagarto) ultrapassam o carro de Gonçalo e atiram um paralelepípedo para vidro da frente. O carro dos amantes perde o controlo e faz um peão.