Quatro irmãs viveram como prisioneiras do próprio pai

No «A Tarde é Sua», conhecemos a história de vida de Maria do Céu e das irmãs que viveram privadas de liberdade e sobre terror psicológico.

Nascidas e criadas na casa onde moravam, em Linda-a-Velha, Cecília, Maria do Céu, Maria do Mar e Madalena, sofreram de violência psicológica por parte de José Manuel, um homem extremamente controlador.

O progenitor tinha receio do mundo exterior e tinha surtos psicóticos em que pensava que estava a ser perseguido. José Manuel dizia que gostava tanto das filhas, que as queria proteger de todos os males do mundo. Controlava-as em tudo. Ia levá-las e buscá-las ao colégio e, no final do dia, tinham de contar tudo o que se tinha passado. Até os pensamentos e sonhos que tinham de noite eram partilhados. O contacto com o mundo exterior, especialmente na escola, era reduzido ao máximo. Mais tarde, as quatro irmãs descobriram que o pai era esquizofrénico.

Esta má experiência uniu-as ainda mais e Maria do Céu fundou a Associação Meninos de Oiro que apoiam crianças e jovens em risco.