08 nov 2019 18:34

Uma recuperação surpreendente

Recordamos o caso de Andreia, uma jovem diagnosticada com psicose e síndrome depressivo

Se antes ouvia vozes dentro da sua cabeça, agora é uma jovem com saúde mental e feliz.

Esta é a história de Andreia Carmo, uma jovem que nos pediu ajuda desesperada. Estava desde 2010 em busca de um diagnóstico e não parava de piorar no âmbito do quadro de uma psicose grave. Recorde o momento:



Se até aos 26 anos era uma menina doce, simpática e trabalhadora, depois desta idade mudou radicalmente. Passou a ver e ouvir coisas que mais ninguém via e ouvia. Dizia-se agredida todas as noites por espíritos. Vivia revoltada, insultava os pais, tinha crises de amnésia temporária e vivia fechada em casa com medo de tudo e de todos.

Quando veio ao nosso programa, há 4 meses, tudo mudou. Com a ajuda, diagnóstico e tratamento oferecidos pelo Dr. Jorge Mota Pereira. aconteceu um pequeno “milagre”. Andreia teve melhoras surpreendentes e tem hoje uma qualidade de vida muito superior.

De acordo com o psiquiatra, a jovem está muito meiga, empática, carinhosa com a família e já não tem episódios de amnésia como tinha dantes.

O Dr Jorge Mota pereira tem o grande mérito de ter descoberto um tumor congénito inoperável: «O quisto localiza-se numa zona do cérebro que é responsável pelas atitudes mais impulsivas e afetava também a memória. Trata-se de um quisto na região frontal do cérebro, perfeitamente delimitado e estabilizado», conclui.