Em «A Teia», depois de se ter cruzado com o assassino no matadouro, na noite em que Ricardo (Vítor Hugo) foi morto, Amílcar (Wagner Borges) resolve colaborar com a PJ e é encontrado degolado nas instalações da polícia.

 

Amílcar admite que viu um homem a fugir do matadouro logo antes de se ter deparado com Ricardo morto, tendo sido ameaçado a calar-se para não morrer. Mesmo depois de ter sido ameaçado, Amílcar resolve colaborar com a PJ e diz-lhes que é capaz de identificar o assassino se o vir.

 

Entretanto, Amílcar vê Tiago (Filipe Vargas) a chegar de carro e foge. Vera (Maria João Pinho) faz o ponto da situação com Mário e conta-lhe que Amílcar fugiu, mas acabou por convencê-lo a ir depor à PJ, assegurando-lhe não ir acontecer o mesmo que sucedeu com Nuno. Amílcar chega à PJ e dirige-se à sala de Vera e fica tenso quando vê uma fotografia de Tiago no killer board.

 

O inspetor informa que Amílcar já chegou e Vera sai apressada. Vera entra na sua sala e fica em choque ao deparar-se com Amílcar degolado, estando a janela do seu gabinete aberta. Quem terá degolado Amílcar? A resposta nos próximos episódios de «A Teia».