David apanha traição de Vera e Artur

17 dez 2020 00:00

Celinha (Paula Neves) diz a uma pesarosa Suzy (Angie Costa) que não consegue perdoar que Pompeu (André Nunes) o tenha traído com Carolina (Marisa Cruz), quando ela lhe foi sempre fiel.

Abatido, Alex (João Oliveira) abre a porta para sair, sorrindo feliz quando se depara com Pompeu à porta com umas chuteiras novas para ele.

Madalena (Sofia Aparício) atende uma cliente quando vê Luzia (Patrícia André) passar, cabisbaixa, e vai atrás dela, assegurando-lhe não estar chateada por Laura (Inês Aguiar) se ter envolvido com Rodolfo (Joaquim Horta), dizendo que esse comportamento já é recorrente no seu ex-marido e que foi por isso que se separou dele.

Leonor (Gabriela Mirza) está em choque por Constança (Margarida Corceiro) lhe contar que Rodolfo tem um caso com Laura e que, até, a promoveu nas Cerâmicas. Leonor sai porta fora.

Laura explica a Rodolfo que teve de inventar a Artur (David Carreira) que tinham um caso para justificar ter sido promovida por ele. Ele indica que ela não pode continuar na empresa. Depois, abre a porta, dando de caras com Leonor, que fica chocada a olhar para o pai e para Laura. Rodolfo olha, sem argumentos, para Leonor a dizer-lhe que tem vergonha de ser sua filha, percebendo muito bem porque é que Madalena se separou dele.

Pompeu (André Nunes) diz a Alex (João Oliveira) que nada o faria perder o seu jogo de futebol e indica a Celinha (Paula Neves) que têm de tratar da questão do divórcio, assumindo que pela primeira vez na vida sente que lhe dão valor. Celinha perde a cabeça e despeja a mousse de chocolate que estava a fazer em cima de Pompeu.

Suzy (Angie Costa) conta a Maria Rita (Kelly Bailey) que os pais estão longe de se entenderem e pergunta-lhe como estão as coisas na serra. Ela indica que já tem um plano para desmascarar Carolina (Marisa Cruz).

David (José Condessa) assegura a Henrique (Pêpê Rapazote) que não sabia que Maria Rita estava na serra, e que foi Joca (Frederico Barata) quem foi meter-se com ele. Henrique, sorri, satisfeito por David assumir estar disposto a perdoar Vera (Bárbara Branco) por não ter assumido que tinha uma filha.

Maria Rita repreende Joca por ter lutado com David para a defender, dizendo-lhe que não precisa disso. Maria Rita acaba por mudar de assunto e diz a Joca que têm de tratar do plano contra Carolina, antes que Pompeu se separe de Celinha.

Joca entra com Maria Rita no café e diz, perante Carolina, que a família está em vias de perder tudo por Teodora (Rita Ribeiro) não ter dinheiro para pagar uma dívida de vinte mil euros ao banco.

Mercedes (são José Correia) diz a Júlia (Cucha Carvalheiro) que não conseguiu convencer Maria Rita a regressar a Aveiro, queixando-se que teve de engolir as provocações de Carolina, percebendo agora que Henrique não teve assim tanta culpa por ela ter feito de tudo para seduzi-lo há vinte anos.

Mercedes vai à Cerâmicas e Rodolfo explica que nunca teve nada com Laura e que ela só inventou aquela história para justificar a promoção na empresa. Rodolfo fica preocupado por Madalena lhe dizer que Leonor desapareceu.

João Maria (Lucas Dutra), Constança e Suzy perguntam às pessoas por Leonor, recebendo respostas negativas.

Madalena perde a cabeça com Rodolfo por Leonor ter desaparecido logo após o ter apanhado com Laura, empurrando-o furiosa, a dizer que não quer que ele se aproxima mais dela e da filha.

Maria Rita e Joca estão convictos de que Carolina vai desaparecer, agora que pensa que Pompeu não tem dinheiro para a sustentar e Maria Rita não consegue evitar ficar triste por a sua mãe ser uma gananciosa sem escrúpulos.

Carolina liga para Pompeu a perguntar-lhe se é verdade que Teodora está falida. Ele nega e ela sorri, a perceber o que se está a passar.

Pompeu confirma que se vai divorciar, mas admite estar triste por causa dos filhos. Artur conta-lhe que Rodolfo se envolveu com Laura e que a promoveu, estando a conter-se para não partir para a agressão.

Artur agradece a Vera por ter falado com Henrique sobre o que Rodolfo fez e ela indica estar preparada para assumir Maria como sua filha.

Celinha chora, arrasada, perante Luzia a admitir que ainda tinha esperanças de que Pompeu deixasse Carolina para ficar com ela.

Mercedes faz sinal a Luzia para ir ao seu gabinete.

Mercedes (São José Correia) diz a Luzia (Patrícia André) que Laura (Inês Aguiar) inventou toda aquela história do assédio de Rodolfo (Joaquim Horta) sem motivo, explicando-lhe que foi ela que pediu a Rodolfo que a promovesse.

David (José Condessa) chega a casa a falar ao telefone com Aldina (Luísa Ortigoso), que lhe diz que Vera (Bárbara Branco) saiu para ir ver Maria. David despe-se para ir tomar duche, deparando-se surpreendido com Vera e Artur (David Carreira), envolvidos na casa-de-banho. Artur e Vera pedem, aflitos, desculpa a David, que segue furioso para a sala.

Laura recusa a Mercedes desmentir que teve um caso com Rodolfo, dizendo que não tem nada a perder por ter perdido o emprego na Cerâmicas.

Vera e Artur justificam-se a David, dizendo que não queriam que aquilo tivesse acontecido. David expressa todo o rancor que sente por estar a ser traído pela sua noiva e pelo seu melhor amigo, isto quando estava disposto a perdoar ambos por lhe terem escondido que se tinham envolvido há muitos anos e tinham tido uma filha. Artur sai abalado e David diz, seco, a Vera que o melhor é ela sair também, por já não estar ali a fazer nada.

Maria Rita (Kelly Bailey) fica satisfeita por Honório (Pompeu José) lhe dizer que Carolina (Marisa Cruz) ligou a avisar que não vai jantar e liga a Joca (Frederico Barata) a confirmar que o plano dela deu certo por Carolina não estar no café, em sinal de se ter ido embora da serra.

Pompeu pede a Artur para falar com David por causa do seu divórcio de Celinha (Paula Neves), e este diz-lhe que é melhor ser ele a falar, por as coisas entre eles estarem muito azedas.