Teodora e Joca encobrem traição de Pompeu

12 dez 2020 00:00

Carolina (Marisa Cruz) ordenha uma ovelha e está a praguejar contra a sua má sorte por ter ficado sem nada, quando David (José Condessa) chega e fica estupefacto por vê-la ali.

Pompeu (André Nunes) diz a Teodora (Rita Ribeiro) que percebeu que Celinha (Paula Neves) é a mulher da sua vida e pede ajuda à mãe para evitar que ela descubra que se envolveu com Carolina.

Carolina admite que teve uns problemas e viu-se obrigada a mudar-se para casa de Honório (Pompeu José). David fica incomodado por ela lhe dizer ser óbvio que Maria Rita (Kelly Bailey) gosta dele e só não avança por saber que ele está noivo de Vera (Bárbara Branco).

Os funcionários cumprimentam Henrique (Pêpê Rapazote), contentes por vê-lo de regresso à fábrica. Henrique vai ter com Nuno (Duarte Gomes) e pergunta-lhe pela história do telemóvel dentro de água e ele disfarça que foi apenas uma brincadeira.

Maria Rita insinua a Henrique que Mercedes (São José Correia) pode andar a enganá-lo, e fica espantada por ele lhe responder agressivo que ela não tem o direito de difamar a sua mulher. A pastora sai triste e Henrique deixa uma mensagem à mulher a dizer-lhe que têm de falar com urgência.

Mercedes indica a Carmo (Julie Sergeant) que ela anda estranha e refere também que está receosa que Maria Rita decida voltar para a Serra e se cruze com David.

Maria Rita queixa-se a Suzy (Angie Costa) por Henrique a ter tratado mal quando o tentou alertar sobre Mercedes e a amiga tenta acalmá-la.

Teodora conta que vai ajudar Pompeu a esconder o caso com Carolina e fica apreensiva por Joca (Frederico Barata) lhe dizer que viu Celinha a ir para casa de Honório.

Celinha fica em fúria por se deparar com Carolina, intuindo de imediato que Pompeu veio para a Serra por causa dela.

Celinha acusa Teodora de ter encoberto o filho de andar a traí-la, e arruma as suas coisas para regressar para Aveiro.

Mercedes segue determinada para o gabinete de Henrique e fica aflita por ele lhe pedir explicações sobre Rodolfo (Joaquim Horta) ter readmitido Nuno na fábrica, com o apoio dela.

Mercedes desculpa-se a Henrique e diz que confiou no sócio dele, quando ele quis readmitir o jovem e fica aliviada por Trindade de Sousa vincar que não vai admitir que o rapaz volte para as Cerâmicas e que o quer longe da filha.

Rodolfo conta a Carmo que Nuno descobriu o seu caso com Mercedes e é com isso que o está a chantagear.

Henrique entra que nem um furacão e avisa Rodolfo para se livrar de Nuno por não querer vê-lo por ali.

Carmo tenta acalmar Henrique, que continua furioso por Rodolfo ter arranjado aquele imbróglio com Nuno por causa dos seus deslizes e ainda ter feito campanha para ele voltar para Constança (Margarida Corceiro).

Mercedes diz enigmática a Rodolfo que a única hipótese que têm para resolver aquele problema com Nuno, passa por envolverem outra pessoa.

Abatida, Maria Rita nega aos gémeos ter algum plano para impedir que Aldina (Luísa Ortigoso) seja despedida e conta que também está de partida daquela casa.

João Maria (Lucas Dutra) e Constança ficam atónitos por Júlia (Chucha Carvalheiro) lhes dizer já ter resolvido o problema de Aldina e que Marlene (Helena Caldeira) vai substituí-la.

Marlene assegura a João Maria que foi Júlia quem a contratou e João Maria vinca querê-la fora de sua casa.

Constança fica em choque por Mercedes lhe contar que Nuno foi forçado a acabar tudo com ela por Rodolfo ter ameaçado dar cabo da vida dele, caso não o fizesse. Constança sai furiosa, a dizer que eles não tinham o direito de fazer isso a Nuno.

Pompeu não tem como negar que não teve nada com Carolina e Celinha diz-lhe, furiosa, estar tudo acabado entre eles. Carolina conta que Pompeu nunca a esqueceu e que é com ela que quer ficar, mas Celinha afasta-se no táxi, desolada.

Madalena (Sofia Aparício) vinca a Carmo estar fora de questão dar outra oportunidade a Rodolfo (Joaquim Horta), depois de ter descoberto do seu caso com Mercedes, achando que ele vai continuar a traí-la como sempre fez.

Artur (David Carreira) avisa Laura (Inês Aguiar) que anda de olho nela e fica incomodado quando ele o critica por não tirar proveito do facto de ter uma filha com Vera (Bárbara Branco).

Vera diz a Henrique que decidiram que o melhor para Maria é a criança ficar em casa de Artur, com o pai a ameaçar cortar-lhe a mesada se ela continuar sem contar a Maria que é mãe dela.

Constança diz a Henrique que descobriu que Nuno foi obrigado a acabar tudo com ela, com Vera a apoiar a irmã e a dizer que Henrique gosta de dar lições de moral aos filhos, quando escondeu Maria Rita da família. Henrique acaba por recuar, ficando entalado por Constança ameaçar sair de casa se ele despedir Nuno da fábrica.