Ao Minuto

Bruno de Carvalho e Liliana Almeida fora de Portugal? «Temos de parar e pensar se o nosso caminho será aqui»

  • 23 set, 18:24
Bruno de Carvalho e Liliana Almeida fora de Portugal? «Temos de parar e pensar se o nosso caminho será aqui» - Big Brother

Bruno de Carvalho e Liliana Almeida deram a primeira entrevista após o casamento e falaram sobre vários temas.

Bruno de Carvalho e Liliana Almeida deram uma entrevista esta sexta-feira no programa «Goucha», na TVI e afirmaram que ponderam sair de Portugal, devido à «inveja» e «obstáculos» que surgem no caminho e que noutro país, poderão não surgir.

Na primeira entrevista após o casamento, que aconteceu a 2 de setembro, o casal falou sobre esse dia especial, mas também sobre o futuro a dois e o que os espera daqui para a frente. Mudar de país, é uma hipótese que Bruno de Carvalho não descarta, pelo contrário. 

«Eu não queria voltar das Maldivas (lua de mel) porque ainda há uma parte que magoa a Liliana muito. Porque ainda a estão a desiludir e é pena que as pessoas não desistam de tentar pôr entraves e estamos a falar de um círculo próximo, que continua a não dar descanso», afirmou o ex-concorrente do «Big Brother». 

Bruno de Carvalho continuou: «Depois, a Liliana neste momento tem objetivos de vida de lançar o seu disco e o mercado dela é muito maior do que Portugal. Eu e a Liliana temos mesmo que um dia parar e pensar se o nosso caminho será aqui. Este país tem muita coisa bonita, mas também tem muita inveja e criação de obstáculos». 

«Aí temos a questão de se somos realmente amigos ou entramos num mundo de parasitismo (...) Há uma pessoa que foi ao casamento e comentou que era para desistir porque 'o Bruno havia de reagir mal'. Mas porquê?», questionou Bruno de Carvalho.

Bruno acrescentou: «Eu não sou de guerra e de paz, se as pessoas quiserem eu estou sempre na paz. Há aqui uma ideia pré-concebida de alguém que pura e simplesmente nunca desistiu de viver, enfrentando o que tiver de enfrentar», sublinhou. 

«Por isso se algum dia sairmos daqui vamos ter a paz do anonimato, que aqui não temos. As pessoas têm de se compenetrar que as vezes a vida muda e o que queremos que as pessoas percebam que não é por estarem na nossa vida há 20 anos que não têm de entrar na nossa bolha enquanto casal», rematou Bruno de Carvalho. 

 

 

Relacionados

Fora da Casa

Mais Fora da Casa