Mário Rui: «Eles devolveram-me a vida»

No «Dois às 10», conhecemos a história de Mário Rui Ribeiro, um dos infetados com Covid-19 com o quadro clínico mais grave em Portugal.

Mário Rui Ribeiro foi um dos casos mais graves em Portugal de Covid-19. Mário esteve 4 meses em coma, 5 meses ligado a uma ECMO, a máquina que substitui as funções dos pulmões e do coração, 6 meses nos cuidados intensivos. Ao fim de um ano conseguiu regressar a casa: «Eles devolveram-me a vida», confessa Mário sobre os profissionais de saúde.

Mário, de 54 anos, sempre foi uma pessoa saudável e ativa, porém graças ao internamento ficou paralisado dos joelhos para baixo e foi obrigado a fazer 4 meses de fisioterapia.

«Sinto que deixei aqui uma família», confessa Mário agradecendo aos profissionais de saúde.

Mário Rui passou por uma depressão durante os cuidados intensivos: «Porque é que me aconteceu isto, porque é que eu estou paralisado, porquê a mim?», eram as perguntas que fazia constantemente a si mesmo.

Mário já regressou a casa e está a recuperar aos poucos.

RELACIONADOS

Helena Coelho: A nova cara do Big Brother

«Se ela sorrir uma vez num dia para nós já é uma vitória»

«Estou a pagar para trabalhar»

Vera de Melo: «Tenho medo que se normalize a violência doméstica»

«Eu não sou maluca, não sei porque é que estou aqui»

Susana Mendes: «Não estou habituada a que não gostem de mim»

Vera de Melo: «Lamento mas eu não consigo viver num país em que isto é assim»

A Não Perder

MAIS

Mais Vistos

Mais Vistos Goucha

Receitas

Fotos

Vídeos