Diogo Carmona: «Eu não sou um acidente, sou muito mais»

No «Dois às 10», o ator explica o que o levou a escrever um livro, onde promete contar toda a verdade.

Diogo Carmona sentiu a necessidade de desabafar e escreveu um livro: «As pessoas têm de me conhecer (...), eu não sou um acidente, sou muito mais ou muito menos».

«Foi um acidente aquilo que te aconteceu naquele dia», questionou Cláudio Ramos. O ator respondeu que sim, acrescentando que este não é o ponto principal da sua história. 

PUB

«Depois de escrever o livro, sei mais quem sou (...), tenho que passar mais tempo comigo e transmitir o bem às outras pessoas», contou. 

Durante a conversa, o ator falou ainda sobre a relação com a mãe. No livro, Diogo nunca usa a palavra mãe, mas sim «progenitora». Apesar de tudo, afirma que a relação está bem. 

MAIS EXTRAS