Artista de rua agredida no Porto

16 set, 12:47

No «Dois às 10», o inspetor-chefe da polícia judiciária Paulo Santos explica que a legítima defesa serve para afastar um perigo iminente, ilegal e quando é impossível recorrer à força pública sublinhando que existe um elemento essencial, a proporcionalidade. 

VEJA MAIS

MAIS VÍDEOS