Macabro: Homicida leva urna de uma das crianças ao funeral e é detido

  • 4 jan, 12:41

No «Dois às 10», damos início ao segmento da Atualidade ao recordar um caso que chocou Portugal, em 1996. Um jovem de 28 anos matou uma família a tiro, inclusive duas crianças de 2 e 5 anos. Recuperámos essas imagens antigas e os testemunhos da população daquela cidade. Segundo a investigação, uma irmã encontrou o casal e os sobrinhos mortos em casa após tentativa de assalto. Entrevistámos uma amiga das vítimas. O assassino, condenado por roubo, entrou na casa da família, e com a arma da própria vítima, matou o casal e os dois filhos. A advogada Suzana Garcia comenta o sucedido e o facto do responsável pelo crime ter-se tornado advogado, após os 21 anos da sua pena de prisão. O advogado Paulo Santos comenta o sucedido, nomeademente, o facto do responsável por este crime ter-se tornado advogado. Suzana Garcia alerta para a necessidade da alteração na lei, no que toca às penas dos criminosos.

Atualidade

MAIS

Mais Vistos

Mais Vistos Goucha

Signos

Receitas

Fora do Estúdio

Fotos