Aida consola São

  • 9 ago, 00:00
Veja episódio na integra

Elisabete não aguenta mais ouvir Josefa a falar mal de Aida e manda-a calar. Aida e Tomé são atraídos pelo barulho e Aida fica do lado de Elisabete. Tomé defende a irmã e pede a Elisabete para não falar assim com a tia. Aida não quer acreditar que Tomé se pôs do lado da irmã.

Albino insiste em saber porque motivo António bateu em Carlos e este finge que não sabe, temendo levar um raspanete do pai. Albino percebe que o filho deve ter arrastado a asa a Fátima, mas em vez de lhe dar um sermão, dá-lhe um abraço e afirma que está cada vez mais orgulhoso dele.  A discussão está ao rubro e todos falam por cima uns dos outros.

Aida e Elisabete já não aguentam Josefa, mas Tomé pede à mulher e à filha para terem mais respeito. Elas não querem acreditar que Tomé ficou do lado da irmã. São toca à campainha e quando Tomé abre a porta, deixa cair a toalha. São diz que precisa muito de conversar com Aida. 

Quina acorda Corcovada e diz-lhe que tem visitas. Quina revela que Manel ficou logo de trombas porque a visita é o senhor Abel. Corcovada fica toda animada e pede a Quina para preparar um pequeno almoço especial. 

Glória quer saber porque razão António bateu em Carlos, mas ele está muito nervoso com o que fez e não quer falar sobre o assunto. O Padre já sabe do que se passou e quer falar com António. Ele assume que pecou e o Padre tenta acalmá-lo. 

São desabafa com Aida sobre o que se passou no consultório, mas como fala por meias palavras, Aida não percebe nada e tenta adivinhar o que terá acontecido. Aida chega a pensar que ela tenha sido assediada, mas São lá dá a entender que está na menopausa apesar de ainda ser muito nova. Aida mostra-se solidária com São. 

Corcovada é a única que come com vontade, já que Abel e Manel estão amuados. Corcovada quer perguntar-lhes algo, mas eles começam logo em competição, querendo mostrar-se cada um mais disponível do que o outro. Quina tem vontade de lhes pregar com uma frigideira nas ventas. Corcovada, apesar de tudo, acha piada àquela competição.

Aida consola São e ela vai ficando mais calma. Aida diz-lhe que aquilo não é o fim do mundo e que agora há medicamentos que ajudam a minimizar os sintomas. Aida aconselha-a a enfrentar o problema de frente e conversar com Fernando sobre isso, pois ele vai apoiá-la. São sente um afrontamento e chora. Aida apoia-a.

O Padre chega ao café com um ar agastado e diz que o dia ainda agora começou e já tem a cabeça feita em água. Ouvimos Tomé e Josefa a discutirem em fundo. O Padre comenta com Fátima que António deu um soco a Carlos e Fátima fica muito aflita e sai dali. O Padre fica com a garrafa de vinho do porto à sua mercê e serve-se de mais um copo.

Ana carolina vai à mercearia e António percebe que ela não está bem. António pergunta-lhe o que se passa, mas Ana Carolina não quer falar. António atende os clientes todos e quando está a sós com Ana Carolina, pergunta-lhe se quer falar. António acha que Ana Carolina lhe veio pedir satisfações por ter batido em Carlos e assume o que fez. António afirma que Carlos ainda merecia mais porque se atirou a Fátima e tentou interferir no seu casamento. Ana Carolina é completamente apanhada de surpresa e o ambiente fica muito tenso.

Episódios

Mais Episódios