Bernardo mandou uma mensagem desesperante à mãe: «Só queria acabar com tudo»

No Goucha, conhecemos a história de um jovem que viveu em depressão durante muito tempo.

Bernardo Campos teve vários problemas de saúde que afetaram o seu crescimento. Sofreu de bullying na escola. Chegaram a pô-lo dentro de um caixote do lixo. Perdeu o avô, o seu pilar, e sofreu de violência doméstica por parte do tio esquizofrénico. Os traumas levaram-no a uma tentativa de pôr termo à vida e chegou mesmo a dizer à mãe, por mensagem: «Disse-lhe que não tinha felicidade e só queria acabar com tudo».

Hoje tem acompanhamento psicológico e dedica-se à fotografia, a sua grande paixão.

A história de Bernardo em pormenor

Pais de Bernardo separaram-se quando ele era bebé e admite que não foi fácil crescer sem pai, com o agravamento da morte do avô, a sua única referência paterna. Desde a nascença, Bernardo sofreu vários problemas de saúde. Cresceu em hospitais e não guarda memórias felizes. 

Teve problemas de crescimento e por causa disso foi vítima de bullying. Devido às agressões e humilhações, Bernardo vivia em constante ansiedade. Nunca contou em casa o que vivia na escola e, como se não bastasse, sofreu violência doméstica por parte de um tio que era esquizofrénico.

Por causa de tudo o que vivia, pensou que o melhor seria terminar a vida. Numa dessas tentativas, teve de ficar internado e foi precisamente aí que viu o programa «Goucha», com a presença da psicóloga Andreia Lourador, e decidiu pedir ajuda.
 

MAIS

Mais Vistos

Casos Reais

Goucha

Fotos

Vídeos