Gabriela (Sara Barradas) decide fazer justiça pelas próprias mãos.

 

Depois de ter sido violada por Teodoro (João Lagarto), Gabriela nunca voltou a ser a mesma e este trauma vai desencadear um crime. Gabriela, vestida de preto e com uma arma na mão, entra no quarto de Teodoro, onde este está deitado e acorda sem se mostrar incomodado. Gabriela, enojada, diz que vai fazer justiça e aponta a arma à cabeça do homem que a violou.

 

Ao ver o sangue escorrer, Gabriela fica impressionada e dá outro tiro, mas com a mão a tremer de nervos, falha e o tiro acerta no candeeiro. Em seguida, sai do quarto a correr, para que ninguém a veja.

 

João (João Catarré) entra em casa e chama pelo pai, quando entra no quarto, depara-se com um cenário ensanguentado e Teodoro está inanimado. Será que Teodoro acaba mesmo por morrer? Descubra tudo nos próximos episódios de "Jogo Duplo".