19 nov 2019 15:41

Rúben: O «líder nato» com sentido apurado para a estética

O candidato da Póvoa do Varzim tornou-se finalista depois de vencer a prova de exteriores no Parque das Nações com um «petit gateaux» e um magret de pato irrepreensíveis.

No «Masterchef Portugal», Rúben com 36 anos é barman e «wedding planner» numa quinta de eventos. A mãe a par da filha é sem dúvida alguma o seu maior pilar e, por isso, em tempos, quando teve um restaurante contava com o apoio da mãe nas mais variadas decisões. Contudo, por várias razões o negócio não vingou e o aspirante teve mesmo de fechar a porta. 

A entrada no programa, serviu para aprender mais sobre o universo culinário e, provar que, tal como a mãe, tem talento para a cozinha. Se recuarmos no tempo, certamente se lembra do Tataki de Salmão e Sunomono que arrebatou o paladar nos jurados ainda nas primeiras batalhas do programa.

Durante mais de doze semanas, o barman de 36 anos, foi cativando o paladar dos jurados que não se cansaram de elogiar o seu trabalho quando assim o merecia. Como por exemplo, na prova em que ficou sem proteínas e poucos ingredientes, os jurados teceram-lhe rasgados elogios e classificaram o prato apresentado por Rúben como uma verdadeira obra de arte. 

No entanto, nem tudo foi fácil no percurso do jovem natural da Póvoa do Varzim uma vez que o seu mau feitio e alguns dos seus comportamentos geraram várias críticas quer por parte dos jurados ou até mesmo dos colegas. 

Será que Rúben vai «fintar o mau feitio» e arrecadar o grande prémio? Descubra tudo, este domingo!