Tiago Magalhães

Lourenço Conde

Eu fiquei super contente quando soube que ia ter um irmão. Até pensei que os meus pais já não se iam separar por causa disso. Fogo… fui bué ingénuo. Se o ambiente lá em casa já não ‘tava bem, agora transformou-se num filme de terror. O meu pai parecia o Hulk, gritava até ficar verde. Disse que já não ia cada um pro seu lado, que não ia ter um filho pro ver só de quinze em quinze dias. A minha mãe, em versão Darth Vader, pronta para o combate, ameaçava incendiar a casa e acabar com aquilo tudo duma vez por todas. ‘Tá curioso pra saber o desfecho dessa saga familiar, né? Realmente, é surpreendente… por isso é que eu não vou contar agora.