Pai detido por abusar sexualmente das filhas em Águeda - TVI

Pai detido por abusar sexualmente das filhas em Águeda

Polícia Judiciária

Suspeito de 42 anos ficou em prisão preventiva

Um homem de 42 anos foi detido em Águeda pela Polícia Judiciária por ser suspeito de abusar sexualmente das filhas de 13 e 14 anos.

Em comunicado, aquela força de segurança adiante que "os indícios colhidos, até ao momento, pela investigação do Departamento de Investigação Criminal de Aveiro da PJ apontam no sentido de os abusos sexuais terem acontecido várias vezes, quando o detido coabitava temporariamente com as filhas, uma vez que não detinha a guarda das mesmas".

Os crimes aconteceram em Águeda, quando o suspeito se "encontrava sozinho com as meninas, para as sujeitar a práticas sexuais de diversa índole".

"O homem aproveitava o recato da casa e valia-se da sua ascendência sobre as menores resultante da autoridade parental intrínseca à relação familiar entre eles", adianta a nota.

Presente ao juiz, ficou em prisão preventiva e proibido de contactar com as menores.
 

Continue a ler esta notícia