Em março, a ocupação por quarto no Algarve foi a melhor desde 2002 - TVI

Em março, a ocupação por quarto no Algarve foi a melhor desde 2002

  • Agência Lusa
  • PF
  • 12 abr 2023, 20:14
Algarve (imagem Getty)

Dados avançados pela Associação de Hotéis e Empreendimentos Turístico do Algarve

A taxa de ocupação por quarto no Algarve foi em março a maior dos últimos 22 anos, superando os números homólogos de 2019 e 2022, com 62,4%, revelou esta quarta-feira a principal associação hoteleira da região.

“O Algarve superou, em março, os valores registados para a taxa de ocupação quarto desde 2002”, congratulou-se a Associação de Hotéis e Empreendimentos Turístico do Algarve (AHETA) num comunicado, frisando que os números de março superaram em 10,7 pontos percentuais os registos homólogos de 2019, o melhor ano turístico de sempre.

A ocupação por quarto também subiu em comparação com o ano transato, ao registar mais 13,9 pontos percentuais do que em março de 2022, referiu a AHETA nos dados mensais da ocupação por quarto compilados pelo seu gabinete de estudos.

A associação empresarial algarvia destacou o contributo dos mercados neerlandês, com uma subida de 3,6 pontos percentuais, e alemão, com mais 1,5 pontos percentuais, para a taxa de ocupação por quarto ter superado, em março, os registos homólogos de 2022 e 2019.

“O mercado nacional e o espanhol contribuíram com uma subida de 0,6 pontos percentuais para a variação da ocupação cama face a março de 2023”, acrescentou a principal associação hoteleira do distrito de Faro.

As zonas do Algarve onde a subida da ocupação mais foi sentida foram as de Portimão/Praia da Rocha, com um incremento de 16,1 pontos percentuais, de Lagos/Sagres, com um aumento de 12,6 pontos percentuais, e de Carvoeiro/Armação de Pera, com mais 10,2, assinalou ainda a AHETA.

Continue a ler esta notícia