Ambulância roubada em Caminha recuperada em Arcos de Valdevez - TVI

Ambulância roubada em Caminha recuperada em Arcos de Valdevez

  • Agência Lusa
  • BC
  • 6 set 2023, 08:01
Bombeiros

Ambulância, avaliada em 50 mil euros, foi roubada pelas 20:30 e recuperada cerca de duas horas e meia depois

A Ambulância de Transporte de Doentes Múltiplos (ATDM) dos Bombeiros de Vila Praia de Âncora, em Caminha, roubada terça-feira, às 20:30, foi recuperada cerca das 23:00 desse dia, em Arcos de Valdevez.

Em declarações à agência Lusa, o presidente da Federação Distrital de Bombeiros do Alto Minho, Germano Amorim, adiantou que “após a notícia difundida pela agência Lusa, dois bombeiros do corpo de Voluntários de Arcos de Valdevez “identificaram a viatura furtada que se deslocava no sentido de Monção para Arcos de Valdevez. Após avisarem as autoridades, a GNR já deteve o indivíduo na freguesia do Extremo, Arcos de Valdevez”.

Germano Amorim adiantou que o “indivíduo detido em flagrante delito será transportado para o posto territorial da GNR de Arcos de Valdevez onde deverá ser assim constituído arguido”.

O responsável destacou que os dois bombeiros “ao avistarem a viatura avisaram de imediato as autoridades e puseram-se no encalço da mesma, o que foi decisivo para o desfecho desta operação relâmpago”.

Anteriormente à Lusa, Germano Amorim adiantou que “a viatura furtada é de 2021, está avaliada em cerca de 50 mil euros e, foi comprada pela Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Vila Praia de Âncora, no concelho de Caminha, distrito de Viana do Castelo, “em regime de ‘leasing’.

A ATDM foi roubada cerca das 20:30, tendo o caso sido reportado à GNR.

“A viatura está munida de sistema de georreferenciação”, adiantou Germano Amorim.

O presidente da Federação Distrital de Bombeiros do Alto Minho disse que “as imagens de videovigilância instaladas no quartel, permitiram visualizar um indivíduo a furtar a viatura.

Continue a ler esta notícia