Dependência? Rafa e Di María participam em mais de metade dos golos do Benfica - TVI

Dependência? Rafa e Di María participam em mais de metade dos golos do Benfica

Salzburgo-Benfica (EPA/ANNA SZILAGYI)

Dupla encarnada, que está em final de contrato, teve influência direta em 54% dos golos da equipa

Relacionados

Apesar de estarem em final de contrato, os números mostram que Ángel Di María e Rafa Silva são duas das principais figuras da temporada do Benfica.

A dupla encarnada participou em 53 dos 99 golos que a equipa já marcou na presente época. Quer isto dizer que Di María e Rafa tiveram influência direta em, aproximadamente, 54% dos golos da equipa de Roger Schmidt.

A título individual, Rafa tem melhores números do que o argentino. O avançado luso, em 48 jogos, leva 20 golos e 14 assistências. Já Di María, em 43 partidas, marcou 16 golos e deu 11 assistências.

Rafa assistiu Di María em cinco ocasiões, enquanto o argentino já serviu o atacante português por três vezes.

Importa, ainda, destacar que o camisola 27 das águias chegou às duas dezenas de golos numa temporada pela segunda vez na carreira. Rafa só conseguiu melhor em 2018/19, quando marcou 21 golos. Ao nível das assistências, está a apenas três de igualar o melhor registo.

Os números mostram que a dupla encarnada participou em mais de metade dos golos da equipa e, se calhar, até merecia um esforço extra para a renovação de contrato. A acrescentar a estes dados, os pontas de lança do Benfica continuam com falta de faro para golo: Arthur Cabral e Marcos Leonardo têm ambos cinco, enquanto Casper Tengstedt apontou três golos.

Continue a ler esta notícia

Relacionados