Brasileirão: Botafogo escorrega no Castelão e falha regresso à liderança - TVI

Brasileirão: Botafogo escorrega no Castelão e falha regresso à liderança

Fortaleza vence Botafogo (Twitter)

Empate com o Fortaleza 2-2 deixa equipa carioca a um ponto do Palmeiras de Abel Ferreira

Relacionados

O Botafogo desperdiçou uma oportunidade soberana para reassumir o comando do Brasileirão ao não conseguir melhor do que um empate, no Arena Castelão, por 2-2, em jogo em atraso da 29.ª jornada. Os cariocas, novamente com a liderança à vista, estiveram a perder por duas vezes e o melhor que conseguiram foi mesmo empatar.

Num jogo em atraso entre dois emblemas em plena crise, o Fortaleza chegou ao quinto jogo sem vencer, enquanto o Botafogo completa agora uma impressionante série negativa de sete jogos sem conhecer o sabor da vitória, desperdiçando uma vantagem enorme na liderança do campeonato.

Os cariocas que estavam a dois pontos do Palmeiras, comandado pelo técnico português Abel Ferreira, tinham a oportunidade de recuperar a liderança, onde estiveram desde o início da temporada.

No entanto, apesar de ter mais posse de bola no início da partida, foi a equipa da casa a primeira a festejar, logo aos 8 minutos, com Calebe a destacar-se sobre a esquerda e a cruzar para o segundo poste onde chegou Yago Pikachu a finalizar em carrinho.

O Botafogo reagiu em força e acabou por chegar ao empate, aos 19 minutos, com alguma fortuna. Na sequência de um cruzamento da direita, Tiquinho desvia de cabeça e Brítez, ao tentar antecipar-se a Júnior Santos, desviou de cabeça para as próprias redes.

O caricato autogolo do Fortaleza

O Botafogo chegava ao empate, mas acabaria por chegar ao intervalo a perder, uma vez que, aos 41 minutos, o Fortaleza voltou a marcar, mais uma vez com Calebe na jogada e Cuesta a escorregar e a permitir a finalização de Guilherme.

O Botafogo voltou ainda mais ofensivo para a segunda parte, mas só conseguiu chegar ao empate, aos 77 minutos, num lance de bola parada, com Danilo Barbosa, na sequência de um canto, a cabecear para as redes de João Ricardo, que ainda chegou à bola, mas não conseguiu evitar o empate.

Já com Diego Costa no lugar de Tiquinho, o Botafogo procurou o golo da vitória até ao último instante, mas não consneguiu desfazer o empate que o deixa a um ponto do Palmeiras no topo da classificação, com quatro alucinantes jornadas ainda por disputar. O jogo acabou com os jogadores do Botafogo a rodearem o árbitro e protestar o tempo de compensação dado no final do jogo (6 minutos).

No outro jogo desta quinta-feira, o Fluminense bateu o São Paulo, no Maracnã, por 1-0, com um golo solitário de Cano (54m). Os cariocas sobem ao oitavo lugar, com mais quatro pontos do que os paulistas, que estão no décimo posto.

A classificação do Brasileirão

Continue a ler esta notícia

Relacionados