Cadáver de mulher de 70 anos encontrado no rio Arade - TVI

Cadáver de mulher de 70 anos encontrado no rio Arade

  • Agência Lusa
  • CNC
  • 24 mai 2023, 11:05
Detidas falsas médicas que prometiam cura para todos os males com “medicamentos” perigosos

Os clientes de um hotel, nas margens do rio, alertaram as autoridades para um cadáver encontrado a boiar na água. Desconhece-se ainda a causa da morte desta mulher.

Relacionados

As autoridades recuperaram hoje o cadáver de uma mulher de 70 anos que foi encontrada a boiar numa zona do rio Arade, na freguesia de Estômbar e Parchal, em Lagoa, no Algarve.

O comandante da capitania do porto de Portimão, Rodrigo González dos Paços, disse à agência Lusa que ainda se desconhece a causa da morte, estando a Polícia Judiciária (PJ) no local “a avaliar se há indícios de crime”.

Segundo este responsável, o alerta foi dado pelos clientes de um hotel situado nas margens do rio Arade, que viram o corpo da mulher a flutuar e telefonaram para o 112.

O óbito da vítima, de nacionalidade portuguesa, foi declarado pelo médico do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) e a sua remoção autorizada pela delegada do Ministério Público, segundo o comandante do Porto de Portimão.

Estiveram ainda no local operacionais da Polícia Marítima, da Estação Salva-vidas de Ferragudo, e dos Bombeiros de Lagos.

Continue a ler esta notícia

Relacionados