Boaventura acusa investigadora de “vingança” por ter sido “expulsa” do CES. Mas não houve expulsão - Lieselotte Viaene saiu porque contrato acabou - TVI

Boaventura acusa investigadora de “vingança” por ter sido “expulsa” do CES. Mas não houve expulsão - Lieselotte Viaene saiu porque contrato acabou

  • CNN Portugal
  • DCT
  • 19 ago 2023, 15:44
Boaventura de Sousa Santos (Governo)

Centro não nega processo disciplinar a investigadora, mas descarta expulsão

Relacionados

O Centro de Estudos Sociais (CES) da Universidade de Coimbra não comprova a teoria de Boaventura de Sousa Santos de que Lieselotte Viaene foi expulsa do centro e, por isso, está agora a acusá-lo de assédio sexual por vingança.

Segundo a edição deste sábado do Diário de Notícias (DN), apesar de o CES, até então, nunca ter refutado estas declarações de Boaventura de Sousa Santos, o organismo, em resposta ao jornal, vem agora dizer que a investigadora belga não foi expulsa, saiu do centro porque o contrato chegara ao fim. “O contrato entre o CES e a Doutora Lieselotte Viaene caducou na data do seu termo, 31 de agosto de 2018”, disse o CES ao DN.

Embora o CES adiante ainda que “não foi aplicada qualquer sanção disciplinar”, Viaene viu-lhe ser instaurado um processo disciplinar em junho de 2018, dois meses antes da cessação e não renovação do contrato. O DN tentou aceder a tal processo, mas sem sucesso. Boaventura de Sousa Santos diz que este processo foi instaurado devido a "má conduta" da investigadora, informação que não foi confirmada pelo Centro de Estudos Sociais.

O próprio CES adianta que tal processo disciplinar “não foi concluído” por conta da “caducidade [do contrato], dado ter atingido o seu termo”.

“Não tendo havido uma conclusão definitiva do processo disciplinar, não foram concluídas diligências instrutórias e probatórias próprias de tal procedimento, pelo que não houve apuramento final sobre a veracidade ou não de nenhuma da factualidade imputada à Investigadora nem das suas eventuais responsabilidades”, concluiu o Centro de Estudos Sociais (CES) da Universidade de Coimbra.

Continue a ler esta notícia

Relacionados