Fogo florestal na Chamusca combatido por quase 150 operacionais - TVI

Fogo florestal na Chamusca combatido por quase 150 operacionais

  • Agência Lusa
  • HCL
  • 9 jul 2023, 19:19
Bombeiros em incêndios florestais (Getty)

O alerta para o incêndio foi dado às 15:58 na localidade de Vale da Vaca, na freguesia de Carregueira, na Chamusca

Quase 150 operacionais combatem este domingo à tarde um incêndio em zona florestal na Chamusca, distrito de Santarém, num fogo que não ameaça casas, de acordo com o comandante sub-regional da Lezíria, Paulo Cardoso.

"O incêndio está a desenvolver-se em povoamento florestal, neste momento com 148 operacionais, 37 veículos e registo de seis meios aéreos, sendo que três deles já saíram”, disse à Lusa o comandante sub-regional da Proteção Civil da Lezíria do Tejo, pelas 18:30.

O alerta para o incêndio foi dado às 15:58 na localidade de Vale da Vaca, na freguesia de Carregueira, na Chamusca.

Paulo Cardoso adiantou ainda que, apesar de o flanco direito do fogo já estar em resolução, a totalidade "ainda não está".

"O flanco esquerdo e a cabeça estão ainda ativos, mas a ceder aos meios", acrescentou.

O comandante sub-regional adiantou que no decorrer do combate um bombeiro ficou ferido de forma ligeira "por trauma num membro inferior", tendo sido encaminhado ao Hospital de Santarém sem preocupações de maior.

Questionado sobre se o fogo ameaça casas ou populações, Paulo Cardoso referiu que "não há nenhuns pontos sensíveis, nenhum ponto de risco iminente", e que o incêndio "está longe das aldeias", numa "zona de povoamento florestal compacto".

"Mais uma hora e estará definitivamente resolvido", estimou.

Continue a ler esta notícia