Um fugitivo e uma vítima mortos, uma casa incendiada, camiões roubados. O rasto de tragédia de quatro fugitivos de uma prisão do Mississipi - TVI

Um fugitivo e uma vítima mortos, uma casa incendiada, camiões roubados. O rasto de tragédia de quatro fugitivos de uma prisão do Mississipi

  • CNN Portugal
  • MCP
  • 27 abr, 11:17
fugitivos mississipi

Autoridades norte-americanas continuam em busca de três homens que escaparam através de uma brecha no telhado

Relacionados

Casey Grayson, Corey Harrison, Jerry Raynes, Dylon Arrington são os nomes dos quatro fugitivos que escaparam do Centro de Detenção de Raymond, no Mississipi, Estados Unidos, na noite de sábado, através de uma brecha no telhado do sistema prisional. 

Quando a caça ao homem foi sinalizada, já os quatro fugitivos estavam a centenas de quilómetros de distância. Num impasse de duas horas com a polícia, pelo caminho Dylon Arrington, de 22 anos, sozinho, terá matado um pastor de uma igreja, que terá parado para o ajudar ao perceber que o jovem teve um acidente com a mota em que seguia, roubado o seu veículo e fugido, abandonando o pastor na estrada.

Na noite de terça-feira, as autoridades do condado de Leake, em Carthage, informaram ter recebido relatos de que um dos fugitivos, que mais tarde identificaram como Arrington, foi localizado na área. Na manhã seguinte, o xerife do condado, Randy Atkinson, e um inspetor foram até à casa onde se suspeitava que o fugitivo estava escondido, mas tiveram de se proteger quando o suspeito começou a disparar contra eles. O inspetor foi ferido na perna e levado para um hospital.

A certa altura, quando a casa já estava encurralada de polícias, começou a sair fumo da casa e, “poucos minutos depois, já estava totalmente tomada pelas chamas”, disse o xerife à CNN Internacional.

O corpo de Arrington foi encontrado sem vida na casa incendiada e a causa da morte está a ser investigada.

Quanto aos restantes fugitivos, as autoridades continuam as buscas, com suspeitas de que pelo menos um deles se encontra noutro estado.

Jerry Raynes foi visto na manhã de domingo numa bomba de gasolina em Spring Valley, Texas - uma cidade onde um camião do condado de Hinds também foi encontrado abandonado. Não se sabe se Raynes viajou sozinho até lá.

A fuga dos criminosos tem provocado receio entre moradores de Raymond, que temem pela sua segurança.

Continue a ler esta notícia

Relacionados