Um popular treinador de futebol do Tennessee deixou o telefone num restaurante. A polícia diz ter descoberto vídeos no dispositivo que mostram alegadas violações de rapazes inconscientes - TVI

Um popular treinador de futebol do Tennessee deixou o telefone num restaurante. A polícia diz ter descoberto vídeos no dispositivo que mostram alegadas violações de rapazes inconscientes

  • CNN
  • Eli Masket e Mitchell McCluskey
  • 28 jul 2023, 15:57
1

Foram encontradas no telefone vídeos da violação de “pelo menos 10 crianças”

A polícia de Franklin, no Tennessee (EUA), anunciou que prendeu um “popular” treinador de futebol depois de encontrar vídeos no telefone dele que alegadamente mostram rapazes inconscientes a serem violados.

Camilo Hurtado Campos está detido em Franklin sob a acusação de violação de menor e exploração sexual de menor, mas outras acusações adicionais devem ser apresentadas, de acordo com um comunicado emitido pelo Departamento de Polícia de Franklin.

A polícia diz que foi alertada depois de Campos ter deixado o telemóvel num restaurante. Os funcionários revistaram o dispositivo para tentar encontrar informações que pudessem ajudar a encontrar o dono. “O que eles encontraram, em vez disso, foram dezenas de vídeos e fotos inconcebíveis, com crianças, e então chamaram a polícia”, disseram as autoridades no mesmo comunicado à imprensa.

As autoridades investigaram e encontraram centenas de imagens e vídeos perturbadores no telefone do homem de 63 anos, de acordo com o comunicado. A polícia diz que Campos “gravou-se a si mesmo no ato de violar meninos inconscientes, de idades compreendidas entre os 9 e os 17 anos”.

Até agora foram encontradas no telefone vídeos da violação de “pelo menos 10 crianças” e os detetives conseguiram identificar três das vítimas, segundo a polícia.

“Outras cinco, que desconhecíamos, identificaram-se a elas mesmas. Não estamos nem perto do fim da análise de todo o material deste caso horrível”, disse a polícia de Franklin.

Os detetives dizem que as vítimas podem nem saber que foram violadas, uma vez que estavam inconscientes.

Campos viveu em Franklin, no sul de Nashville, nas últimas duas décadas.

O treinador de futebol frequentava alegadamente os espaços de recreio da escola, onde abordava e recrutava crianças para jogar futebol, muitas das quais convidava para a sua casa após ganhar a confiança dos rapazes, disseram as autoridades.

A polícia de Franklin ainda está a tentar identificar algumas das crianças e quer ouvir qualquer pessoa que tenha passado tempo com Campos.

A fiança de Campos foi fixada em cerca de 483 mil euros, disse um porta-voz do Gabinete do Xerife do Condado de Williamson.

Continue a ler esta notícia