Uma reclusa do Missouri, condenada à pena de morte por um homicídio cometido em 2003, tornou-se na primeira pessoa transgénero a ser executada nos Estados Unidos.

Amber McLaughlin, que iniciou a sua transição de género há cerca de três anos na prisão, recebeu a injeção letal no Missouri na terça-feira à noite depois do governador do estado, o republicano Mike Parson, ter rejeitado o pedido de clemência.

Anteriormente conhecida como Scott McLaughlin, tinha sido condenada pela violação e assassínio da ex-namorada no condado de St. Louis. Esta foi a primeira execução do ano nos Estados Unidos.

Segundo o Centro de Informação sobre a Pena de Morte, um grupo que se opõe à pena capital, não há nenhum outro caso documentado de um homem ou mulher transgénero executado nos Estados Unidos.

/ AM