Pinto da Costa e a final da Taça: «Procuramos derrotá-los, não rebentá-los» - TVI

Pinto da Costa e a final da Taça: «Procuramos derrotá-los, não rebentá-los»

Pinto da Costa (foto: FC Porto)

Presidente da SAD portista fala também num jogo que marcará um final de ciclo a nível pessoal

Relacionados

Pinto da Costa, ainda presidente da SAD do FC Porto, aproveita o programa oficial da Taça de Portugal para responder ao seu homólogo do Sporting, Frederico Varandas, dizendo que o FC Porto quer derrotar os leões no Jamor no próximo domingo, mas «não rebentá-los».

«Para o FC Porto é um jogo para ganhar, porque este clube alimenta-se de vitórias e de títulos. À custa desse espírito forjado nas últimas décadas temos hoje o melhor palmarés de Portugal, um estatuto que ambicionamos manter e consolidar. Para que isso aconteça encaramos sempre os adversários com respeito, pois sabemos que têm valor e ambições legítimas. Procuramos derrotá-los, não rebentá-los, até porque não recorremos a discurso de ódio, que só incendeia o ambiente já tóxico do futebol português», escreve o presidente da SAD portista.

Pinto da Costa fazia alusão às fortes palavras de Frederico Varandas emitidas num contexto privado, no decorrer de um jantar comemorativo da conquista do título.

«Com todo o respeito pelo Sporting, tenho a expectativa de que o FC Porto vai lutar até ao limite das suas forças para vencer a Taça de Portugal pela terceira época consecutiva. Não há nada que deseje mais do que continuar a ver os portistas felizes», destaca ainda o dirigente.

Para Pinto da Costa, a final de domingo será um final de ciclo. «O primeiro troféu que ajudei a conquistar como diretor do departamento de futebol foi uma Taça de Portugal ganha ao Braga, nas Antas, com um golo do saudoso Fernando Gomes. Já como presidente, vi o FC Porto disputar 22 finais e ganhar 15, a primeira contra o Rio Ave, fez no dia 1 de maio 40 anos. Tenho as melhores memórias desta competição, que me proporcionou e a todos os portistas muito mais alegrias do que tristezas», destaca ainda o presidente da SAD portista.

Já o presidente do Sporting, Frederico Varandas, destacou «a ambição de conquistar mais um título e ter a oportunidade de viver a verdadeira festa do futebol».

«No Sporting ambicionamos esta conquista e lutaremos por ela, mais uma vez. Queremos a nossa 18.ª Taça de Portugal e juntá-la ao Campeonato Nacional», disse Varandas.

O líder leonino vincou a vontade de vencer a final, «apoiados pelos sportinguistas que esta temporada mostraram, mais uma vez, porque são os melhores adeptos do futebol nacional».

«Certamente serão, novamente, exemplares no apoio à nossa equipa e na forma de viver o futebol, dando, uma vez mais, o exemplo de civismo a que se assistiu nas últimas semanas», frisou.

«Que seja também a oportunidade de mostrar que o futebol português tem qualidade e protagonistas de renome dentro e fora das quatro linhas. Mas acima de tudo que seja um momento de verdadeiro desportivismo e fair-play e que dignifique futebol português e o desporto nacional em geral», referiu ainda.

Continue a ler esta notícia

Relacionados