Com flores e tudo. Putin recebeu no Kremlin criança de oito anos que ficou triste por não o ter visto no Daguestão