França arrecada 1,5 milhões de euros em leilão de bens de luxo apreendidos a traficantes de droga (Lamborghinis incluídos) - TVI

França arrecada 1,5 milhões de euros em leilão de bens de luxo apreendidos a traficantes de droga (Lamborghinis incluídos)

  • CNN
  • Hafsa Khalil
  • 29 abr 2023, 10:19
Lamborghini apreendido a traficantes de droga leiloado pelo Estado francês. Emmanuel Dunand/AFP/Getty Images

Relacionados

Um Lamborghini branco, malas Louis Vuitton e relógios Rolex foram apenas alguns dos bens de luxo apreendidos a traficantes de droga e leiloados numa "venda excecional" pelo Estado francês no início da semana, que arrecadou quase 1,5 milhões de euros.

Organizado pela Agence de Gestion et de Recouvrement des Avoirs Saisis & Confisqués (agência para a gestão e recuperação de bens apreendidos e confiscados na tradução), em colaboração com a Direção Nacional de Intervenções do Estado (DNID), o leilão de terça-feira foi um espectáculo invulgar no histórico Palais de Justice de Paris, onde se encontra o Tribunal da Relação.

O ministro francês da Justiça, Eric Dupond-Moretti, e o ministro das Contas Públicas, Gabriel Attal, durante o leilão. Emmanuel Dunand/AFP/Getty Images

"Um leilão é um acontecimento comum", afirmam os diretores da AGRASC e da DNID, Nicolas Bessone e Alain Caumeil, numa declaração incluída no catálogo da venda. "Um leilão do Domaine (bens que são propriedade do Estado) também é comum. Um leilão que envolva a AGRASC e o Domaine é um evento mais raro."

Embora tenham sido realizadas vendas semelhantes no passado, esta é a primeira em que todas as receitas serão doadas à Missão Interministerial contra a Droga e o Comportamento Aditivo, que supervisiona as políticas públicas em matéria de droga e dependências em França.

No total, o leilão angariou 1,46 milhões de euros, incluindo 185.000 euros provenientes de vendas a compradores estrangeiros.

Entre os artigos do leilão, que tinha 277 lotes, encontravam-se sapatos de salto alto da Yves Saint Laurent, Christian Louboutin e Jimmy Choo, ténis de marca e vários carros e motas.

Uma coleção de sapatos de marca, desde saltos altos a ténis, também foi leiloada. Emmanuel Dunand/AFP/Getty Images

Mas nem tudo foi glamour. Artigos domésticos, incluindo cadeiras de marca, um aparelho de cozinha Thermomix e uma selecção de aspiradores Dyson também fizeram parte do leilão.

Mas a oferta mais espectacular foi o Lamborghini Huracan branco de 2017, estacionado à porta do tribunal e vendido por 138.000 euros.

Bessone e Caumeil convidaram o público a divertir-se, chamando ao leilão "uma venda com alma extra".

*Pierre Bairin contribuiu para este artigo

Continue a ler esta notícia

Relacionados