Após novos comentários sexistas do companheiro, Giorgia Meloni anuncia separação - TVI

Após novos comentários sexistas do companheiro, Giorgia Meloni anuncia separação

  • CNN Portugal
  • DCT
  • 20 out, 17:43
Giorgia Meloni e Andrea Giambruno (Associated Press)

Primeira-ministra italiana já tinha dito que não queria ser julgada pelos comentários de Andrea Giambruno, que voltou a estar no centro das atenções da imprensa nos últimos dias

Relacionados

A primeira-ministra italiana, Giorgia Meloni, anunciou esta sexta-feira que está separada do seu companheiro, Andrea Giambruno, com quem manteve uma relação de quase dez anos. 

O anúncio, feito nas redes sociais, surge dias depois de um programa de televisão italiano ter mostrado duas gravações em que o jornalista participava e no qual tecia comentários e tinha comportamentos sexistas, como dizer a colegas que se quisessem trabalhar com ele teriam de participar em sexo em grupo e tocar nas virilhas quando algumas passavam por perto, conta a Reuters

“A minha relação com Andrea Giambruno, que durou quase dez anos, termina aqui. Agradeço-lhe pelos anos esplêndidos que passámos juntos, pelas dificuldades que passámos e por me dar o que há de mais importante na minha vida, que é a nossa filha Ginevra”, escreveu a chefe do executivo italiano na sua conta na rede social X, antigo Twitter.

“Os nossos caminhos divergiram há algum tempo e chegou a hora de reconhecer isso. Defenderei o que fomos, defenderei a nossa amizade e defenderei, a todo custo, uma menina de sete anos que ama a mãe e ama o pai, como eu não consegui amar o meu. Não tenho mais nada a dizer sobre isso”, lê-se na publicação, na qual Meloni deixa um aviso: “Todos aqueles que esperavam enfraquecer-me, batendo-me em casa, deveriam saber que por mais que a gota espere desenterrar a pedra, a pedra continua sendo pedra e a gota é apenas água”.

Em agosto, Andrea Giambruno já tinha sido amplamente criticado depois de ter sugerido às mulheres que não se embebedassem para evitar que sejam violadas. “Se vais sair à noite, tens todo o direito de te embebedar, claro, mas se não te embebedares e perderes os sentidos, talvez evites certos problemas, porque depois podes encontrar o lobo”, disse Giambruno no programa que apresenta no canal Mediaset, Diario del Giorno.

A propósito destes primeiros comentários que vieram a público, a primeira-ministra italiana já tinha dito que não queria ser julgada pelas declarações do companheiro e pai da sua filha.

Giambruno é apresentador de um noticiário transmitido pela Mediaset, estando, de momento, afastado dos comandos do programa, que foi suspenso enquanto a empresa avalia o caso.
 

Continue a ler esta notícia

Relacionados

Mais Vistos

EM DESTAQUE