Georgia Meloni condena agressões de manifestante anti-vacinas a ex-primeiro-ministro - TVI

Georgia Meloni condena agressões de manifestante anti-vacinas a ex-primeiro-ministro

  • Agência Lusa
  • JGR
  • 5 mai 2023, 18:49
Giuseppe Conte

Conte foi esbofeteado durante uma ação de campanha em Toscana, por um manifestante contra as medidas implementadas quando o líder do M5S era primeiro-ministro.

A primeira-ministra italiana, Georgia Meloni, repudiou esta sexta-feira a agressão ao líder do Movimento 5 Estrelas (M5S), o ex-chefe de governo Giuseppe Conte, por um manifestante anti-vacinas covid-19.

“Expresso solidariedade com o presidente do M5S, Giuseppe Conte. Qualquer forma de violência deve ser condenada sem hesitação. A divergência deve ser civil e respeitosa para com as pessoas e grupos políticos”, disse Meloni.

Conte foi esta sexta-feira esbofeteado durante uma ação de campanha em Toscana, por um manifestante contra as medidas implementadas quando o líder do M5S era primeiro-ministro.

O atacante foi prontamente detido pela polícia e o M5S emitiu um comunicado no qual legitima os protestos, mas condena as manifestações violentas.

“A divergência é legítima, mas esta manifestação violenta não faz parte da democracia”, afirma o partido.

Continue a ler esta notícia