Governo aprova despesa de 39 milhões de euros para manutenção de navios da Marinha - TVI

Governo aprova despesa de 39 milhões de euros para manutenção de navios da Marinha

  • Agência Lusa
  • HCL
  • 15 mar 2023, 13:49
NRP Mondego (D.R. Marinha)

Segundo a resolução do Conselho de Ministros, assinada pelo primeiro-ministro, António Costa, a verba servirá para planear ações de manutenção, “reparação e aquisição de sobressalentes”

O Governo autorizou a Marinha a proceder a uma despesa de 39 milhões de euros, entre 2023 e 2025, para adquirir serviços de manutenção de navios e "reparação e aquisição de sobressalentes".

De acordo com uma resolução do Conselho de Ministros, que data de 2 de março mas foi publicada no Diário da Republica esta quarta-feira, os 39 milhões destinam-se à manutenção dos navios de patrulha oceânica da classe Viana do Castelo e das fragatas das classes Vasco da Gama e Bartolomeu Dias.

Fica assim de fora a manutenção do NRP Mondego - que, no sábado, não cumpriu uma missão de acompanhamento de um navio russo após 13 militares se terem recusado embarcar invocando razões de segurança -, navio patrulha que pertence à classe Tejo.

“Esse planeamento não pode incidir unicamente sobre os navios enquanto tal, mas também sobre os respetivos sistemas integrantes, tais como motores, sistemas militares de sensores e armas, componentes diversos, sistemas e subsistemas associados”, lê-se no documento.

Nesta resolução, refere-se que “é indispensável para a sustentação e operação dos navios da Marinha” que sejam adquiridos, para 2023, 2024 e 2025, bens e serviços que incluem “docagens, revisões intermédias e pequenas revisões, material de estaleiro necessário aos trabalhos”, assim como “serviços de reparação inopinada de natureza eventual e urgente”.

Continue a ler esta notícia