O Presidente da República deu esta quarta-feira posse aos novos ministros das Infraestruturas, João Galamba, e da Habitação, Marina Gonçalves, e a seis secretários de Estado, entre os quais o da pasta do Tesouro, Pedro Sousa Rodrigues.

Além de Pedro Sousa Rodrigues, que substitui Alexandra Reis no Tesouro, Marcelo Rebelo de Sousa deu posse aos novos secretários de Estado da Energia e Clima, Ana Claudia Gouveia, do Ambiente, Hugo Pires, das Infraestruturas, Frederico Francisco, da Habitação, Fernanda Rodrigues, e da Agricultura, Carla Alves Pereira.

Segundo fonte do executivo, a mudança mais inesperada no Governo, a saída de Rui Martinho das funções de secretário de Estado da Agricultura, acontece por motivos de saúde.

Os novos governantes tomaram posse numa breve cerimónia no Palácio de Belém, em Lisboa, que começou às 18:06 com a chegada à sala dos embaixadores do Presidente da República, do presidente da Assembleia da República, Augusto Santos Silva, e do primeiro-ministro, António Costa.

Terminou pouco depois, pelas 18:11, tendo estado presentes o ex-ministro Pedro Nuno Santos, o ex-secretário de Estado da Agricultura, Rui Martinho, e membros do atual executivo como os ministros do Ambiente, Duarte Cordeiro, Finanças, Fernando Medina, e Agricultura, Maria do Céu Antunes.

Marcelo Rebelo de Sousa despediu-se de Pedro Nuno Santos com um aperto de mão prolongada, enquanto António Costa deu aio seu ex-ministro das Infraestruturas um abraço caloroso.

/ AG