Portugueses tiram 600 milhões dos PPR para pagar crédito à habitação - TVI

Portugueses tiram 600 milhões dos PPR para pagar crédito à habitação

  • ECO - Parceiro CNN Portugal
  • 1 set 2023, 10:35
Rua da Rosa, Bairro Alto, habitação, casas, Lisboa, polícia. Foto: Bildagentur-online/Universal Images Group via Getty Images

Resgates de Planos Poupança-Reforma cresceram mais de 60% nos primeiros seis meses do ano. Famílias aproveitam regime mais flexível destes produtos para ajudar a pagar empréstimo da casa ao banco

As famílias portuguesas resgataram 611,68 milhões de euros dos Planos Poupança-Reforma (PPR) até junho, para fazer face ao agravamento dos custos com o crédito à habitação, aproveitando a suspensão da penalização por resgate antecipado destes produtos, noticia esta sexta-feira o Jornal de Negócios.

De acordo com a Autoridade de Supervisão de Seguros e Fundos de Pensões (ASF), apesar de não ser feita uma recolha de dados específicos sobre os resgates abrangidos pelo regime temporário, a evolução da atividade seguradora revela que os resgates efetuados no primeiro semestre de 2023 dispararam 61,4% face ao período homólogo.

A maior fatia do montante resgatado, quase 507 milhões de euros, diz respeito aos produtos mais clássicos — os seguros PPR não ligados, tradicionalmente mais conservadores e com capital garantido. Já dos seguros PPR ligados, mais arriscados e com maior exposição aos mercados financeiros, foram retirados 104,7 milhões de euros, segundo os dados do regulador dos seguros.

Continue a ler esta notícia