Hospital de Évora com "constrangimentos" nas urgências de cirurgia e de medicina interna - TVI

Hospital de Évora com "constrangimentos" nas urgências de cirurgia e de medicina interna

  • Agência Lusa
  • FM
  • 6 nov 2023, 17:37
Novas rotinas no Hospital de São João no Porto

Os constrangimentos vão incidir na Urgência de Cirurgia Geral aberta ao público

Relacionados

O hospital de Évora vai ficar sem Urgência de Cirurgia Geral desde esta segunda-feira até domingo entre as 19:00 e as 08:00, enquanto a Urgência de Medicina Interna só vai atender situações pré-triadas ou urgentes.

O Hospital do Espírito Santo de Évora (HESE) anunciou esta segunda-feira  em comunicado que os constrangimentos vão incidir na Urgência de Cirurgia Geral aberta ao público, que, naqueles dias e período horário, fica “sem atendimento ao exterior”, apenas os internados terão acesso a cirurgia geral.

O outro constrangimento diz respeito à Urgência de Medicina Interna, a qual “apenas garantirá resposta às situações urgentes e emergentes, a doentes encaminhados pelo CODU/INEM, pela Linha de Saúde 24 ou por outros médicos”.

“Estes constrangimentos decorrem das declarações de indisponibilidade para realização de trabalho extraordinário, para além das 150 horas/ano obrigatórias por lei, apresentadas pelos médicos das várias especialidades”, justificou o HESE.

Entre as 08:00 e as 19:00, “o Serviço de Urgência Polivalente funcionará como habitualmente”, informou o HESE.

No comunicado, o HESE apela a todos os utentes para que contactem a linha Saúde 24 antes de se dirigirem ao Serviço de Urgência, “para que sejam devidamente encaminhados, em função da gravidade do seu quadro clínico”.

Entre 01 e 03 de novembro entre as 21:00 e as 09:00, o Serviço de Urgência Pediátrica do hospital de Évora funcionou com uma equipa reduzida, constituída por dois médicos, anunciou na altura a unidade hospitalar.

Continue a ler esta notícia

Relacionados