Incêndio em sucata na ValorSines dominado - TVI

Incêndio em sucata na ValorSines dominado

  • Agência Lusa
  • AM - notícia atualizada às 10:34
  • 1 mar, 06:51
(LUSA)

Chamas eclodiram numa “pilha de sucata com substâncias desconhecidas”, que “tinha muita carga térmica”

O incêndio que deflagrou esta sexta-feira de madrugada numa sucata da ValorSines, em Sines, no distrito de Setúbal, foi dominado pelos bombeiros às 09:04, informou fonte do Comando Sub-Regional de Emergência e Proteção Civil do Alentejo Litoral.

A mesma fonte indicou à agência Lusa que, desde então, os operacionais estão a proceder a trabalhos de consolidação e rescaldo no local, com duas máquinas a revolverem a sucata, enquanto os bombeiros arrefecem os pontos quentes.

Também em declarações à Lusa, o comandante dos Bombeiros de Santo André, Tiago Martins, estimou que o trabalho dos operacionais ainda vai ser “demorado, ao longo do dia”.

O comandante relatou também que as chamas eclodiram numa “pilha de sucata com substâncias desconhecidas”, que “tinha muita carga térmica”.

O combate às chamas foi dificultado porque os pontos de água no local “não tinham a pressão ideal para os veículos dos bombeiros, que fazem bastante consumo”.

“Mas conseguimos, com outros meios, fazer com o que o incêndio fosse dominado”, acrescentou.

Às 09:45, as operações mobilizavam os Bombeiros de Sines, Santo André, Alvalade, Cercal do Alentejo e Santiago do Cacém, assim como elementos da GNR e do serviço de proteção civil municipal, com um total de 27 operacionais, apoiados por 12 veículos, além das duas máquinas.

Com alerta dado aos bombeiros às 03:05, o incêndio na sucata da ValorSines, situada no Parque Industrial de Sines, não provocou vítimas.

A ValorSines - Gestão e Valorização de Recicláveis faz operações de gestão de resíduos, como recolha, transporte, armazenagem, valorização de resíduos perigosos e não perigosos de todas as proveniências.

Continue a ler esta notícia