VÍDEO: David dá «Raya», mas líder Arsenal ganha nos descontos - TVI

VÍDEO: David dá «Raya», mas líder Arsenal ganha nos descontos

Luton-Arsenal (EPA/VINCE MIGNOTT)

Guarda-redes cometeu dois erros diante do Luton, mas Rice resgatou o triunfo no final

Relacionados

O Arsenal, líder da Premier League, esteve perto de escorregar na visita ao Luton, mas garantiu uma vitória por 4-3, em jogo da 15.ª jornada.

A tarefa, teoricamente acessível para a equipa de Mikel Arteta, pareceu ter ficado facilitada com o golo de Gabriel Martinelli aos 20 minutos, mas os anfitriões responderam cinco minutos depois, na sequência de um pontapé de canto, por Gabriel Osho (25m).

Ainda assim, os gunners passaram novamente para a frente do marcador antes do intervalo, graças a um cabeceamento de Gabriel Jesus (45m), após um passe de Ben White.

Contudo, a equipa da casa entrou forte na segunda parte e contou com uma ajuda de David Raya, que esta época relegou Aaron Ramsdale para o banco de suplentes.

O guardião espanhol foi completamente batido no lance do 2-2, novamente após um canto, onde permitiu a antecipação de Adebayo (49m).

Raya também não ficou nada bem na fotografia aos 57 minutos, quando Ross Barkley rematou cruzado e o guarda-redes deixou a bola passar por baixo do corpo.

Ainda assim, o Arsenal reagiu logo de seguida, através de Kai Havertz (60m), um dos mais inconformados na reta final da partida.

Nos últimos minutos, os gunners carregaram e conseguiram mesmo garantir os três pontos. Num lance de "chuveirinho", Odegaard cruzou para a área e Declan Rice (90+7m) subiu mais alto para fechar as contas do jogo mesmo em cima do apito final.

Desta forma, o Arsenal mantém-se na liderança, agora com 36 pontos, à frente do Liverpool, que tem 31. Em terceiro lugar, está o Manchester City, com 30.

O Luton, por seu turno, está imediatamente acima dos lugares de despromoção, em 17.º, com nove pontos.

Resultados e classificação da Premier League

Continue a ler esta notícia

Relacionados