Fenerbahçe reúne mais de 20 mil sócios na AG, mas adia decisão de sair da liga turca - TVI

Fenerbahçe reúne mais de 20 mil sócios na AG, mas adia decisão de sair da liga turca

Presidente alertou para os efeitos negativos da saída do campeonato

Relacionados

O Fenerbahçe reuniu mais de 20 mil adeptos no estádio para decidir, em Assembleia Geral Extraordinária, sobre a eventual saída da equipa da liga turca, mas essa decisão foi adiada três meses.

A reunião, motivada pelos confrontos no final do jogo com o Trabzonspor, durou várias horas. O presidente Ali Koç assumiu que, de entre todas as decisões, a que a direção «menos preferia era desistir da liga turca». Para já, o conjunto de Istambul vai concluir a presente edição do campeonato.

Koç alertou ainda para os efeitos negativos desta decisão, nomeadamente a possibilidade de a equipa ter de começar nos escalões amadores

«Em todas as nossas discussões, a que menos preferíamos era desistir da liga turca. Vamos retirar essa opção da mesa até à Assembleia que decorrerá dentro de três meses.  Enquanto a nossa hipótese de sermos campeões existir, vamos continuar até ao fim da época sem desistir. Vamos avaliar a situação de nos retirarmos da liga na próxima época. A opinião de que não devemos retirar-nos do campeonato tornou-se muito dominante. Se a injustiça continuar, existe uma opinião de que deveríamos ter a equipa no exterior», afirmou.

O presidente desaconselhou ainda os adeptos a comprarem bilhetes para a Supertaça contra o Galatasaray, que se disputa este domingo. Além disso, ameaçou jogar com os sub-19 e ainda retirar a equipa da Taça da Turquia durante duas temporadas.

Continue a ler esta notícia

Relacionados