Jacob Zuma impedido pelo Tribunal Constitucional sul-africano de concorrer às eleições - TVI

Jacob Zuma impedido pelo Tribunal Constitucional sul-africano de concorrer às eleições

  • Agência Lusa
  • AM
  • 20 mai, 12:44
Jacob Zuma - ex-presidente da África do Sul

Decisão pode ser objeto de recurso

O Tribunal Constitucional sul-africano, a mais alta instância judicial do país, declarou o antigo presidente Jacob Zuma inelegível, devido à pena de prisão a que foi condenado em 2021, impedindo-o de candidatar-se às eleições gerais.

"O Sr. Zuma foi condenado por um crime e sentenciado a uma pena de prisão de mais de 12 meses", explicou a juíza Leona Theron ao ler a decisão, que pode ser objeto de recurso.

"Consequentemente, não pode ser membro da Assembleia Nacional e não pode candidatar-se a eleições", previstas para daqui a nove dias, acrescentou.

Continue a ler esta notícia