José Mourinho acusado pela UEFA por insultos a árbitro - TVI

José Mourinho acusado pela UEFA por insultos a árbitro

José Mourinho (Getty Images)

Após final da Liga Europa

Relacionados

A UEFA anunciou que abriu procedimentos disciplinares relativos à final da Liga Europa entre Roma e Sevilha. O treinador português José Mourinho foi acusado de insultos e linguagem abusiva contra o árbitro.

O treinador português da Roma foi filmado por jornalistas, no final do jogo de Budapeste, já na garagem do estádio, a confrontar a equipa de arbitragem liderada pelo inglês Anthony Taylor.

«É uma desgraça do c******», «não há p*** de vergonha na p*** da cara» e «nem o Rosetti [da UEFA] foi capaz de dizer que não era [penálti]», disse o treinador português, queixando-se de um alegado penálti que ficou por marcar a favor dos romanos por braço na bola de Fernando.

Além da acusação a José Mourinho, o comité de disciplina da UEFA fez mais cinco acusações ao clube romano por arremesso de objetos, recurso a pirotecnia, danos no estádio e conduta imprópria da equipa.

O Sevilha, que conquistou o troféu, também vai responder por invasão de campo, arremesso de objetos, pirotecnia e comportamento impróprio da equipa.

O momento em que Mourinho confronta a equipa de arbitragem:

Continue a ler esta notícia

Relacionados