Rui Borges: «Depois do Sporting, o Moreirense deu uma boa resposta» - TVI

Rui Borges: «Depois do Sporting, o Moreirense deu uma boa resposta»

Moreirense-Sp. Braga (Lusa/Manuel Fernando Araújo)

Treinador do Moreirense diz que a vitória ante o Farense o deixou «tranquilo» para encarar a visita ao Rio Ave

Relacionados

O treinador do Moreirense, Rui Borges, constatou este sábado que a vitória na receção ao Farense, no último sábado, permitiu-lhe ficar «tranquilo» para abordar a deslocação a Vila do Conde, onde os minhotos defrontam o Rio Ave, no domingo, para a 7.ª jornada da I Liga.

«Depois do Sporting [ndr: derrota por 3-0 na 5.ª jornada], o Moreirense deu uma boa resposta. Estava na expectativa de manter o nosso nível exibicional tendo feito bons jogos, se conseguiríamos fazer o mesmo nível exibicional com as equipas do nosso campeonato, entre aspas. Penso que sim. Deixou-me muito tranquilo», salientou o técnico, em conferência de imprensa de antevisão ao Rio Ave.

«Este jogo tem características diferentes, poderá ter algumas condicionantes, do tempo, o vento. É uma equipa que se apresenta com a estrutura, em termos táticos, diferente do que costumamos apanhar. Uma equipa que está junta há algum tempo, com o seu treinador com boas ideias, gosta de ter bola, é pressionante. Vai expor-nos a coisas diferentes, mas estamos preparados para elas», sublinhou, lembrando a facilidade com que «mudou o “chip”» a uma equipa que, em 2022/23, estava habituada a vencer na II Liga.

«Para mim foi fácil lidar com o grupo. É muito positivo e alegre. Muito focado no que é o treino e o jogo. Perceberam que tínhamos de mudar o ‘chip’ porque era uma equipa que estava habituada a ganhar sempre na II Liga. E, aqui, temos de ter noção que não vamos ganhar sempre, apesar de que vamos lutar por um resultado sempre para ganhar. Isso é certo. É o nosso ADN. Mudaram o ‘chip’. Perceberam que têm de ser muito mais rigorosos. Estão sempre dentro da responsabilidade do que implica o nosso jogo individual e coletivo e o que significa representar o clube. É o que eu costumo dizer, que é à imagem da Vila: pequeno, mas bravo. É a imagem que temos passado e que queremos manter», finalizou.

O Moreirense, que é 9.º classificado, com sete pontos, visita um Rio Ave que é 16.º, com cinco pontos. Carlos Macedo é o árbitro de um jogo que tem início às 20h30 de domingo e acompanhamento, ao minuto, no Maisfutebol.

Continue a ler esta notícia

Relacionados