Moreirense-Gil Vicente, 0-1 (destaques) - TVI

Moreirense-Gil Vicente, 0-1 (destaques)

Gbane impôs o físico

A FIGURA: Mory Gbane
O marfinense impôs-se com o seu físico no setor intermediário, sendo um alicerce robusto para o regresso aos triunfos da equipa do Gil Vicente. Cingiu-se praticamente a tarefas defensivas, à frente da defesa, mas ainda assim teve espaço para se impor ofensivamente, ao apontar o único golo do jogo num lance de bola parada. Decisivo, portanto, na estreia a marcar sobre o Gil Vicente.

MOMENTO: golo do Gil Vicente (38’)
Pontapé de canto no lado direito, cobrado por Félix Correia de forma tensa para o coração da área, onde Gbane foi mais forte do que toda a gente. Ganha nas alturas e cabeceia com convicção para fora do alcance de Caio Secco, assinando aí a conquistado dos três pontos.

OUTROS DESTAQUES

Ofori
O pêndulo do meio campo do Moreirense, alheio à apatia geral do jogo. Jogou ao seu ritmo, arranjando sempre uma saída limpa quando teve bola. Distribuiu jogo com critério no setor intermediário.

Félix Correia
O extremo emprestado pela Juventus foi uma das seis novidades do onze de Tozé Marreco, justificando a aposta. Para além de apontar o canto que deu o golo gilista, foi dos elementos que mais se destacou com bola.

Camacho
O mais perigoso do Moreirense. Apesar de não ser propriamente alto, foi de cabeça que o extremo se evidenciou, ao tentar várias vezes visar a baliza adversária. Esteves nos lances de maior nomeada da equipa de Rui Borges.

Dominguez
Fez dupla com Gbane no meio campo gilista, emprestando clarividência e tranquilidade uma equipa aflita na tabela. Grande parte do jogo da turma de Barcelos passou pelo seu pé esquerdo.

 

Continue a ler esta notícia