Quartos para estudantes custam mais de 400 euros em Lisboa e no Porto - TVI

Quartos para estudantes custam mais de 400 euros em Lisboa e no Porto

  • Agência Lusa
  • AM
  • 25 ago 2023, 09:19
Quarto

Alunos dão ainda conta da necessidade de pagar duas e três rendas em avanço

Relacionados

O preço médio de quartos e apartamentos para estudantes subiu 10,5% no último ano, ultrapassando os 400 euros em Lisboa e no Porto, segundo o último relatório do Observatório do Alojamento Estudantil publicado no início do mês.

Segundo a análise feita com base em mais de 20 portais imobiliários e ‘sites’ de agências do setor sobre a oferta privada nas 20 capitais de distrito, havia 2.892 quartos disponíveis.

De acordo com os dados, citados no jornal Público, na maioria dos distritos a subida foi superior aos 10,5% da média nacional, havendo aumentos de 33% como no caso de Portalegre.

A exceção vai para os distritos de Beja, Bragança e Porto, cujo aumento ficou abaixo dos 10%.

Contudo, arrendar um quarto no Porto custa, em média, 425 euros por mês e em Lisboa 450 euros.

Setúbal com 350 euros, Faro com 339 ou Aveiro com 320 são outras cidades onde os custos com o alojamento são elevados.

Algumas associações académicas disseram ter recebido relatos de valores muito altos “praticados no mercado regulado”, onde são arrendadas casas e quartos sem recibos”.

Além dos preços praticados, outro dos problemas relatados pelos alunos é a necessidade de pagar duas e três rendas em avanço.

O relatório do Observatório é publicado pela Direção-Geral do Ensino Superior (DGES) e “operacionalizada” pela Alfredo Real Estate Analytics, uma start-up portuguesa que nele trabalha há três anos.

Este fim de semana vão ser conhecidos os resultados da primeira fase do concurso nacional de acesso ao Ensino Superior.

Continue a ler esta notícia

Relacionados