João Félix: «Dizia que preferia ganhar a Champions, mas mudei de ideias» - TVI

João Félix: «Dizia que preferia ganhar a Champions, mas mudei de ideias»

Chelsea-B. Dortmund (EPA/Neil Hall)

Internacional português lembrou o golo que marcou no Mundial, abordou a relação com Enzo Fernández e apontou ainda o jogador que mais o surpreendeu no Chelsea

Relacionados

O internacional português João Félix marcou presença no podcast «London is Blue» e, entre os vários temas abordados, deixou a porta aberta à continuidade no Chelsea, onde está cedido pelo Atlético de Madrid.

«Por enquanto, estou emprestado. Não sei o futuro, mas vejo que estou num grande clube europeu e com um grande projeto», disse o avançado de 23 anos, antes de definir o estilo de jogo que mais aprecia e comparar o campeonato inglês com a liga espanhola.

«Gosto de jogar ao ataque, adoro que a equipa tenha bola, não defenda. O Chelsea é perfeito para isso, a equipa gosta de ter bola, atacar e marcar dois ou três golos por jogo. Adoro jogar aqui», vincou.

«Na liga espanhola, tens mais tempo para pensar, o jogo é mais pensado. Aqui vais para campo e vês o que acontece, um para um, ataque-defesa. Totalmente diferente», realçou.

Félix elegeu ainda Thiago Silva como o jogador que mais o surpreendeu quando chegou ao Chelsea. «Eu sempre soube que ele é um jogador de topo, mas ao vê-lo na vida real e a treinar com ele, consegues ver que é mesmo muito bom. Tem muita classe, faz tudo bem feito.»

O avançado ex-Benfica explicou também a relação que mantém com Enzo Fernández, outro antigo jogador dos encarnados.

«Ele é jovem e gosta de jogar bom futebol. Fomos jantar no primeiro dia que ele chegou a Londres. Criámos uma boa relação fora do relvado e isso traduz-se para dentro de campo», revelou.

Félix também admitiu que seria «incrível» jogar na mesma equipa do irmão Hugo, «ainda melhor se for na seleção».

De resto, foi mesmo ao serviço da equipa das Quinas que apontou o golo favorito. «O meu primeiro no Mundial 2022 [frente a Gana]. Antes de jogar o Mundial dizia que preferia ganhar a Liga dos Campeões, mas agora mudei de ideias. Prefiro ganhar um Mundial.»

Continue a ler esta notícia

Relacionados